banner
publicidade
publicidade

Arena Fonte Nova é um marco para o esporte, futebol, cultura e entretenimento em Salvador

DESTAQUES

“Durante as obras, teremos 800 empregos direitos; na fase de produção, teremos 300 empregos direitos e 1,2 mil indiretos”

 

“É um conjunto de obras que vai de uma simples cisterna até o apoio a todos os agricultores”

 

“Cinco de abril, sexta-feira, a presidenta Dilma vai estar aqui entre nós para a inauguração oficial na nova Arena Fonte Nova”. O anúncio do governador Jaques Wagner abre o programa de rádio Conversa com o Governador de hoje.

Na área de indústria, a edição traz informações sobre dois eventos, esta semana, na área de indústria. Um é o início das obras de implantação da fábrica de paredes de gesso Knauff, em Camaçari, e o outro, a assinatura de um protocolo de intenções com uma fábrica de cimento em Paripiranga. “Então, é mais emprego, mais desenvolvimento, mais salário e mais riqueza para o nosso povo”.

As ações de descentralização do desenvolvimento continuam em pauta no Conversa com o Governador. “Nesta quinta-feira vou estar em Arataca, na entrega da recuperação da BA-676, entroncamento BR-101, e na sexta, em Jaguaquara, será entregue um sistema de abastecimento de água”, informa Wagner. O governador encerra o programa falando sobre a reunião da Sudene, hoje, em Fortaleza, com a presidente Dilma Rousseff, que deve ter como um dos principais assuntos a seca.

Sobre a Arena Fonte Nova, Wagner diz que a inauguração é um marco para o esporte, futebol, cultura e entretenimento em Salvador. “Esse será um estádio que vai ampliar a nossa capacidade de estar no roteiro dos grandes espetáculos que passam pelo mundo e pelo Brasil, com tudo que há de mais moderno para a prática do esporte, do gramado à transmissão de televisão. […] E no domingo, aí sim, a grande inauguração com o primeiro BA-VI”.

 

“Durante as obras, teremos 800 empregos direitos; na fase de produção, teremos 300 empregos direitos e 1,2 mil indiretos”

 

O governador destacou a geração de emprego e renda ao falar da fábrica de cimento que será instalada em Paripiranga. “Durante as obras teremos 800 empregos direitos; na fase de produção, teremos 300 empregos direitos e 1,2 mil indiretos. Cimento é a base para muitas obras públicas e para a área de construção civil, que também emprega muito”. Segundo ele, o investimento é de R$850 milhões, do Grupo Brenan & Queiróz Galvão, para uma produção de dois milhões de toneladas de cimento por ano.

De acordo com Wagner, a Knauf, que começa as obras em Camaçari esta semana, é uma grande produtora de paredes de gesso e começa a produzir em 2014, com investimento da ordem de R$160 milhões, gerando 110 empregos diretos. Segundo o governador, a empresa também tem a concessão para explorar uma mina de gesso na região de Camamu.

“A nossa licença para que eles pudessem explorar a mina de gesso – que se chama Gpsita – foi condicionada a que eles processassem esse gesso aqui e daí chega essa fábrica em Camaçari. A Placo, outra empresa que também produz esse produto, também está começando a instalação de uma fábrica em Feira de Santana”, informa o governador.

O programa segue trazendo informações sobre as entregas da recuperação da BA-676, entroncamento BR-101 até Arataca, na quinta-feira, e de um sistema de abastecimento de água, no sábado, em Jaguaquara. “Um investimento perto de R$5 milhões que vai beneficiar 55 mil habitantes de toda a região. E em Jaguaquara, o sistema de esgotamento sanitário foi um investimento de R$16 milhões. Serão 3570 ligações, beneficiando uma população de 33 mil pessoas”.

 

“É um conjunto de obras que vai de uma simples cisterna até o apoio a todos os agricultores”

 

Sobre a expectativa da reunião da Sudene em Fortaleza, o governador afirma que é a mesma de todos os governadores – “novos programas para a convivência com o semiárido, com a seca, para diminuir o sofrimento do nosso povo com essa estiagem tão prolongada que já se caracteriza como a mais dura dos últimos 60 anos”.

Ele diz que são esperados investimentos em carro-pipa, limpeza de aguada, construção de adutoras, barragens, Garantia Safra, Bolsa Estiagem, entre outros. “É um conjunto de obras que vai de uma simples cisterna até o apoio a todos os agricultores, que perderam animais ou plantação, e a construção de adutoras, como a que nós já entregamos em Guanambi e vamos entregar agora em Irecê”.

Wagner comenta que o programa estadual Água Para Todos é um exemplo nacional. “E isso, sem dúvida, fez minimizar o sofrimento que já é grande com essa estiagem”.

O programa Conversa com o Governador é produzido pela Secretaria de Comunicação Social do Governo da Bahia (Secom), veiculado pela rádio Educadora FM 107,5 Mhz e disponibilizado na página do Conversa para as emissoras de rádio e outros segmentos de comunicação que replicam o conteúdo.


Comentários



radio
radio destaque
Fale conosco
TEIXEIRA VERDADE
CNPJ:14.898.996/001-09
E-mail - teixeiraverdade@gmail.com
Tel: 73 8824-2333 / 9126-9868 PLUG21