banner
publicidade
publicidade

Ave rara saíra-sapucaia é encontrada em área da Fibria

Ave rara saíra-sapucaia é encontrada em área da Fibria

Registro indica que a operação da empresa favorece a preservação da biodiversidade 

A beleza e exuberância de cores da saíra-sapucaia (Tangara peruviana) chamou a atenção da equipe de monitoramento de avifauna da Fibria. A espécie foi avistada no dia 9 de maio, em uma área de restinga próxima a um talhão de eucalipto no município de Aracruz (ES). Trata-se de uma ave rara, cujo último registro em áreas da Fibria no município era de 1993. Desde que a Fibria iniciou o trabalho de monitoramento de avifanua, a saíra-sapucaia foi avistada apenas sete vezes.

Medindo cerca de 15 cm, a ave tem cabeça marrom claro e o corpo em tons esverdeados que se misturam, formando um mosaico de cores. Essa espécie rara está ameaçada com status vulnerável na lista da União Internacional para a Conservação da Natureza e dos Recursos Naturais (IUCN) Red List de 2010 e Lista Nacional do Ministério do Meio Ambiente (MMA) de 2014, segundo explicou José Francisco Pissinati, técnico de pesquisa do Centro de Tecnologia da Fibria.

O registro da saíra-sapucaia em área da Fibria é um indicador de que o modelo de operação da empresa, com plantios de eucalipto entremeados com áreas de preservação ambiental, tem favorecido a presença de importantes espécies da biodiversidade brasileira. O registro fotográfico da ave é do técnico de laboratório do Centro de Pesquisa da Fibria, Lousival Loureiro.

Sobre a Saíra-Sapucaia – Habitante das restingas primárias e secundárias, a saíra-sapucaia alimenta-se predominantemente de frutos, mas também de insetos. A população habita o litoral de São Paulo até Santa Catarina, e no inverno parte da espécie migra para o litoral norte de São Paulo, Rio de Janeiro e Espírito Santo. A espécie encontra-se com status em perigo na lista de aves ameaçadas de extinção do Estado de São Paulo de 2014.

Sobre a Fibria – Líder mundial na produção de celulose de eucalipto, a Fibria possui capacidade produtiva de 5,3 milhões de toneladas anuais de celulose, com fábricas situadas em Três Lagoas (MS), Aracruz (ES), Jacareí (SP) e Eunápolis (BA), esta última onde mantém a Veracel em joint venture com a Stora Enso. Em sociedade com a Cenibra, opera o único porto brasileiro especializado em embarque de celulose, Portocel (Aracruz, ES). Com uma operação integralmente baseada em plantios florestais renováveis, a Fibria trabalha com uma base florestal própria de 970 mil hectares em áreas localizadas nos Estados de São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Mato Grosso do Sul e Bahia, dos quais 343 mil são destinados à conservação ambiental. A Fibria mantém cerca de 18.900 trabalhadores, entre empregados diretos e indiretos, e está presente em 254 municípios de sete Estados brasileiros.


Comentários



radio
radio destaque
Fale conosco
TEIXEIRA VERDADE
CNPJ:14.898.996/001-09
E-mail - teixeiraverdade@gmail.com
Tel: 73 8824-2333 / 9126-9868 PLUG21