banner
publicidade
publicidade

Baianos citados na lista de Janot negam doação de caixa-dois

Três dos quatro baianos citados na lista do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, pelo qual pede à Justiça abertura de inquérito com base nas delações dos executivos da Odebrecht, negaram que tenham recebido doação de caixa-dois.

O deputado federal José Carlos Aleluia (DEM) esclarece que todas as doações feitas às suas campanhas estão devidamente registradas e explicitadas nas prestações de contas aprovadas pela Justiça Eleitoral.

A senadora Lídice da Mata (PSB) disse que tem a consciência tranquila e confiança de que tudo será esclarecido. “É preciso a imediata quebra do sigilo para que não se fique à mercê de vazamentos seletivos”, afirmou a senadora.

Lídice espera que as investigações avancem e as responsabilidades sejam apuradas.

O advogado do ex-ministro Geddel Vieira Lima (PMDB), Gamil Foppel, rechaçou as delações com conteúdo “débil e inverídico” pelas quais se tenta impor “estórias e boatos” contra o seu cliente, afirmando que “jamais” existiu qualquer conduta que o desabonasse. “No momento oportuno serão esclarecidos todos os fatos”, disse.

Já o deputado federal Lúcio Vieira Lima (PMDB) não atendeu as ligações da reportagem na tarde desta quinta-feira, 16. Procurado em seu gabinete, a assessoria informou que o parlamentar estava cumprindo agenda com prefeitos e não havia sido localizado.


Comentários



radio
radio destaque
Fale conosco
TEIXEIRA VERDADE
CNPJ:14.898.996/001-09
E-mail - teixeiraverdade@gmail.com
Tel: 73 8824-2333 / 9126-9868 PLUG21