banner
publicidade
publicidade

Barraco na Assembleia e até denúncia de racismo no plenário

Parece que os ânimos estão exaltados na Assembleia Legislativa. Uma servidora da Casa está sendo acusada de racismo contra um funcionário responsável pela instalação do novo painel eletrônico. O bate-boca entre os dois teria causado outra confusão entre o procurador-geral Julio Chamoun e o diretor de infraestrutura Wilson Teixeira. A briga só foi encerrada após a chegada do Chefe da Assessoria Militar, Coronel Giuberti. Quem presenciou o conflito garante que os gritos foram ouvidos até em outros andares do prédio.

Barraco que segue
Apesar da chegada dos seguranças, a confusão entre os dois não parou por ai. Teixeira entrou com uma queixa contra Chamoun na Ouvidoria e quer que seja aberto um processo administrativo disciplinar contra o procurador. Já tem gente achando que vem exonerações pela frente e mudanças na procuradoria da Casa.

Investigação 
Em nota, a Mesa Diretora da Assembleia informou que não recebeu nenhuma denúncia formal sobre a denúncia de racismo e nem sobre a confusão envolvendo os servidores da Casa. Informou, no entanto, que assim que receber vai apurar e tomar as providências regimentais cabíveis. A ouvidoria também vai apurar o caso.

No trabalho
O deputado José Esmeraldo (PR) quer mesmo acabar com a fama de que deputado trabalha pouco. Nesta quarta-feira (17), por exemplo, o parlamentar só deixou o gabinete por volta das 21 horas. Enquanto isso, as atividades em outros setores da Casa já tinham sido encerradas e as portas fechadas. Será que foi o parlamentar quem apagou a luz?

Cadê o prefeito?
Moradores de Cobilândia, em Vila Velha, esperavam o prefeito Rodney Miranda (DEM) para participar de uma audiência pública sobre as enchentes no bairro. Só que o democrata não apareceu alegando problemas pessoais. Quem aguardava a presença dele no evento ficou bastante chateado. O encontro acabou sendo esvaziado.

Eleição no ninho
Em meio à crise, o PSDB estadual realiza sua convenção no próximo sábado (20). O encontro acontece na Assembleia Legislativa a partir das 9 horas com previsão de término previsto para as 13 horas. Tucanos de alta plumagem são esperados para o evento para, quem sabe, fumar o cachimbo da paz.

O jornalista Josué de Oliveira conta para os leitores tudo o que acontece nos corredores dos Três Poderes do Espírito Santo.


Comentários



radio
radio destaque
Fale conosco
TEIXEIRA VERDADE
CNPJ:14.898.996/001-09
E-mail - teixeiraverdade@gmail.com
Tel: 73 8824-2333 / 9126-9868 PLUG21