banner
publicidade
publicidade

Bispo de Ilhéus assaltado e feito refém

Bispo de Ilhéus assaltado e feito refém
Dom Mauro e a opção pelo silêncio
Crédito: Arquivo

Guardado a sete chaves tanto pela polícia quanto por lideranças da igreja católica, o Jornal Bahia Online apurou que o bispo de Ilhéus, Dom Mauro Montagnolli é uma das mais recentes vítimas da violência na cidade.

Dom Mauro foi mantido como refém por um bandido armado, no último dia 10. O fato ocorreu no momento em que o bispo chegava em casa, à noite. O bandido aproveitou um vacilo da autoridade católica ao tentar estacionar o veículo e anunciou o assalto.

Segundo informações obtidas com exclusividade pela reportagem do JBO, uma das exigências do bandido foi entrar na casa de Dom Mauro e ter acesso aos seus pertences.O bandido levou dinheiro e, depois, fugiu no carro da diocese. O carro já foi recuperado.

A queixa foi prestada na Corpin mas, a pedido do próprio bispo, bastante abalado com o acontecimento, a situação e a investigação são mantidos em sigilo.

O Jornal Bahia Online resolveu, duas semanas após o episódio, quebrar o silêncio, por entender que tanto a violência quando a delicada situação passada por uma das maiores autoridades do município devem servir como parâmetros para um debate amplo sobre os caminhos que a violência toma na cidade.

O silêncio não nos parece ser o melhor caminho.

 


Comentários



radio
radio destaque
Fale conosco
TEIXEIRA VERDADE
CNPJ:14.898.996/001-09
E-mail - teixeiraverdade@gmail.com
Tel: 73 8824-2333 / 9126-9868 PLUG21