banner
publicidade
publicidade

Botafogo aplica goleada de 4 a 0 no Vasco

O Botafogo goleou o Vasco por 4 a 0 na noite deste domingo, no clássico disputado no Engenhão, pelo Campeonato Brasileiro. A equipe alvingera jogou um futebol envolvente e dominou o jogo, com o uruguaio Loco Abreu marcando dois gols. Com o resultado, o time cruzmaltino está em quarto lugar na tabela da competição, com 27 pontos. O Botafogo está na sexta colocação, com 25 pontos.

Zagallo recebe homenagem antes do apito inicial

Antes do apito inicial, uma homenagem ao aniversariante da semana: Zagallo entrou em campo para dar o pontapé inicial de forma simbólica. Ele completa 80 anos na terça-feira. A equipe alvinegra tinha uma mudança: Lucas no lugar do eterno perseguido-por-parte-da-torcida Alessandro. Com a bola rolando, o Botafogo começou com as primeiras iniciativas de jogo: Fernando Prass precisou dos reflexos ágeis para impedir uma finalização de Marcelo Mattos e uma cobrança de falta de Renato.

Mostrando velocidade e chegando fácil na área vascaína (Cortês era um dos destaques), os alvinegros abriram o placar aos 9: Antônio Carlos cabeceou firme e sem chance para Prass após cobrança de escanteio. O Vasco se aproximou pela primeira vez aos 14, com cobrança de falta de Diego Souza, seguramente defendida por Jefferson. Em seguida, Alecsandro desviou cobrança de escanteio, quase surpreendendo o goleiro botafoguense. O Vasco começava a recuperar terreno. Felipe fazia passes precisos no meio-campo do Fogão, mas o ataque cruzmaltino não dava continuidade diante dos desarmes do setor defensivo alvinegro.

A equipe comandada por Caio Júnior passou a agir nos contra-ataques e acabou ampliando a vantagem aos 27: Cortês rolou para Herrera e chutou forte. Prass rebateu e a bola encontrou Loco Abreu. O uruguaio finalizou com vontade e foi comemorar. A partida parecia esfriar com a proximidade dos minutos finais. Parecia porque aos 39 minutos, quando Elkeson escorou corte feito por Fernando Prass e Loco chutou de primeira. A torcida do Botafogo presente no Engenhão explodiu de vez na festa.

Diego Souza perde o controle e é expulso

A fim de conferir mais técnica ao time, Ricardo Gomes sacou o burocrático Márcio Careca para a entrada de Juninho Pernambucano. Mas o Botafogo, com o respaldo do placar extenso, dominava o jogo: Prass operou uma defesa espírita ao defender cabeçada quase (quase mesmo) indefensável de Loco Abreu. Aos 16, outro lance para angustiar ambas as torcidas: Cortês cruzou pela esquerda, a bola passou pelo goleiro vascaíno e Herrera, mas sobrou para Abreu. O uruguaio carimbou o travessão.

A tensão começou a tomar conta dos jogadores do Vasco: aos 21 minutos, Diego Souza pareceu voltar aos antigos tempos de destemperado e cometeu falta feia em Cortês, reclamou com raiva e foi expulso. Sentindo dores, o lateral-esquerdo do Botafogo foi substituído por Márcio Azevedo e deixou o campo ovacionado pela torcida alvinegra. Percebendo que a sequência de seis jogos com vitória seria quebrada, os torcedores vascaínos começaram a deixar o Engenhão a partir dos 35.

Os alvinegros passaram à velha amarração de jogo para administrar o resultado, com trocas de passes pelo meio. A torcida gritava “olé”. Com tanta tranquilidade, ainda houve tempo para o Botafogo consolidar a goleada com o gol de Herrera em chute cruzado, aos 46 minutos. Pelo visto, Zagallo, cuja carreira é ligada ao clube de General Severiano, foi o pé-quente do domingo.


– Vídeo: os gols do jogo


Ficha Técnica:

Botafogo x Vasco

Local: Engenhão, no Rio de Janeiro
Data: 07/08/2011
Horário: 18h30
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique
Auxiliares: Rodrigo de Lima Jóia e Dibert Pedrosa Moisés

Cartões amarelos: Cortês, Elkeson (BOT); Dedé, Jumar, Felipe, Diego Souza (VAS)
Cartão vermelho: Diego Souza (VAS)
Gols: Antônio Carlos, 10/1º tempo, Abreu, 27/1º tempo, Abreu, 40/1º tempo, Herrera, 46’/2º tempo

Botafogo: Jefferson, Lucas, Antônio Carlos, Fábio Ferreira e Cortês (Márcio Azevedo); Marcelo Mattos, Renato, Felipe Menezes (Lucas Zen) e Elkeson (Cidinho); Herrera e Abreu. Técnico: Caio Junior.

Vasco: Fernando Prass, Fagner, Dedé, Anderson Martins e Márcio Careca (Juninho); Jumar, Rômulo, Felipe (Leandro) e Diego Souza; Eder Luis (Julinho) e Alecsandro. Técnico: Ricardo Gomes.

 


Comentários



radio
radio destaque
Fale conosco
TEIXEIRA VERDADE
CNPJ:14.898.996/001-09
E-mail - teixeiraverdade@gmail.com
Tel: 73 8824-2333 / 9126-9868 PLUG21