banner
publicidade
publicidade

DENÚNCIA CONTRA TEMER PODE PREJUDICAR NOTA DE CRÉDITO DO BRASIL

DENÚNCIA CONTRA TEMER PODE PREJUDICAR NOTA DE CRÉDITO DO BRASIL

A denúncia contra o presidente Michel Temer por corrupção passiva enfraqueceu os planos do governo de aprovar uma reforma da Previdência abrangente, ameaçando a qualidade de crédito do país, disse a agência de classificação de risco Moody’s nesta segunda-feira (3).
A turbulência política resultante pode forçar Temer a diluir a proposta de reforma previdenciária ou aumentar os gastos para garantir o apoio do Congresso, disseram as analistas da Moody’s Anna Snyder e Samar Maziad, acrescentando que esperam que o presidente conclua o mandato.
A agência classifica a nota de crédito do Brasil em “Ba2”, com perspectiva negativa. É uma espécie de selo de bom pagador: quanto mais alta a nota, mais atrativo o país pode ser para os investidores. As analistas avaliaram que se a reforma previdenciária não for aprovada neste ano, dificilmente será aprovada no ano que vem, por causa das eleições gerais em outubro de 2018.
O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, apresentou uma denúncia contra o presidente Temer por corrupção passiva, com base em delação premiada de executivos da JBS.


Comentários



radio
radio destaque
Fale conosco
TEIXEIRA VERDADE
CNPJ:14.898.996/001-09
E-mail - teixeiraverdade@gmail.com
Tel: 73 8824-2333 / 9126-9868 PLUG21