banner
publicidade
publicidade

Depois de assédio na Alesp, partido pede troca de homens por mulheres em comissão de ética

Foto: Divulgação/ Alesp
Foto: Divulgação/ Alesp

 

Depois do caso de assédio na Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp), o deputado estadual Carlos Giannazi (PSOL) ingressou com uma nova ação na casa.

Ele pede a substituição de homens por mulheres na Comissão de Ética, que vai julgar Fernando Cury (Cidadania) por assediar a deputada Isa Penna (PSOL).

Originalmente, a comissão tem apenas uma mulher. Giannazi cedeu sua vaga à deputada Erica Malunguinho, sua suplente. Com informações da coluna Painel, da Folha de S.Paulo.


Comentários



radio
radio destaque
Fale conosco
TEIXEIRA VERDADE
CNPJ:14.898.996/001-09
E-mail - teixeiraverdade@gmail.com
Tel: 73 8824-2333 / 9126-9868 PLUG21