banner
publicidade
publicidade

Edilson fica sozinho em cela enquanto segue detido por dívida de pensão

Edilson fica sozinho em cela enquanto segue detido por dívida de pensão

Edilson fica sozinho em cela enquanto segue detido por dívida de pensão

Foto: Reprodução / ESPN

Após deixar de pagar R$ 430 mil em pensão alimentícia aos filhos, Edilson Ferreira foi preso na tarde desse sábado (16), em Brasília. Detido na Delegacia de Polícia Especializada da Polícia Civil do Distrito Federal, o ex-jogador de futebol está sozinho em uma cela na.

De acordo com o advogado representante da mãe do filho de Edilson, Eduardo Gasparini, o valor é a soma de três anos, corrigidos, do benefício atrasado. Em entrevista ao G1, ele afirmou também que a prisão é uma medida de “extrema exceção”, mas, “às vezes, é a única forma de cobrar o pagamento”.

Segundo Gasparini, a pensão alimentícia está estabelecida desde 2010, determinada no valor de dez salários mínimos (R$ 8,8 mil). Nos dois anos seguintes, a mulher e Edilson entraram em acordo com relação aos pagamentos. Mesmo assim, em 2013, o ex-atleta parou de depositar o benefício. Foi quando nova ação foi estabelecida e, desde então, não teve mais pagamentos.

A polícial afirma que, por se tratar de uma prisão civil, Edilson pode ficar detido por 60 dias, podendo ser prorrogado por mais 30. O ex-jogador só pode ser solto mediante o pagamento total da dívida ou por meio de um acordo, com parcelamento na Justiça. Até a tarde deste domingo (17), o débito não havia sido pago.

publicidade:


Comentários



radio
radio destaque
Fale conosco
TEIXEIRA VERDADE
CNPJ:14.898.996/001-09
E-mail - teixeiraverdade@gmail.com
Tel: 73 8824-2333 / 9126-9868 PLUG21