banner
publicidade
publicidade

Educação em greve em Caravelas

Professores e servidores de escolas municipais de Caravelas entraram em greve nesta quarta-feira, dia 14/03 e irão retornar as suas atividades somente no dia 19/03.

A paralisação da educação atende um chamado nacional para paralisação da educação em favor do pagamento do Piso Nacional para todos os profissionais da educação. O novo piso salarial para classe passa a ser R$ 1.451,00 como remuneração mínima do professor de nível médio e jornada de 40 horas semanais.

A APLB/Sindicato Caravelas informou ainda outros motivos para a greve: alta de compromisso no pagamento da gratificação da insalubridade negociada em reunião realizada no dia 07/01/2012 lavrada em ata, para retornar o seu pagamento a partir de janeiro 2012,  para os servidores da educação que fazem a limpeza das escolas e até o presente momento não foi regularizado e o novo plano de carreira com o piso nacional ainda não foi enviado a câmara municipal para apreciação e aprovação.

 Mais contratações na educação sem condição financeira, pois ainda não está pagando todos os benefícios aos efetivos devido a aprovação do plano, ainda deve três meses de 2011 até agora ainda não regularizou, também até agora não fez os julgamentos dos títulos de formação e capacitação dos profissionais do magistério, pintou as unidades de ensino na cor vermelha, pois é totalmente inaceitável para as realização das aulas sendo anti-didático e ainda começou o ano letivo atrasado para fazer reparos nas escolas que até agora não foram terminadas em algumas unidades de ensino e outras com mal cheiro das tintas prejudicando ALUNOS e FUNCIONÁRIOS, visto que todos os professores estavam a disposição nas escolas para o inicio das aulas desde 30 de janeiro de 2012.

*caravelasnews


Comentários



radio
radio destaque
Fale conosco
TEIXEIRA VERDADE
CNPJ:14.898.996/001-09
E-mail - teixeiraverdade@gmail.com
Tel: 73 8824-2333 / 9126-9868 PLUG21