banner
publicidade
publicidade

Encontro discute desenvolvimento de produtores e processadores da madeira

No Extremo Sul

Encontro discute desenvolvimento de produtores e processadores da madeira

Promovido pelo Programa Mais Árvores, workshop reuniu instituições parceiras e produtores rurais Fernanda Barros

Hoje às 15:00 – Por: Fernanda Barros

Teixeira de Freitas – Com a finalidade de fomentar o desenvolvimento dos pequenos produtores e processadores da madeira, foi realizado nesta quinta-feira, 18, em Teixeira de Freitas, o workshop “Devolutiva para o Comitê Gestor de Teixeira de Freitas”.

 No workshop foram apresentadas as propostas para o desenvolvimento do setor. Uma delas é o pré-projeto para o ano de 2015, com as etapas de planejamento, como articulação de órgãos, entidades e parceiros, plano de comunicação e reuniões. Já o plano de ação foi proposto para 2016-2019, com assinatura de um acordo de resultados com indicadores de crescimento.

 Entre as ações discutidas estão o mapeamento de público, diagnóstico, capacitações e consultorias gerencial e tecnológica, ações de acesso a mercado, pesquisa de mercado e acesso a crédito. O objetivo do plano de ação é contemplar 30 micro e pequenas empresas, além de produtores rurais do Extremo Sul.

O diretor da Associação Baiana de Empresas de Base Florestal (Abaf), Wilson Andrade, destacou a importância da iniciativa. “Depois de conhecer os produtores e as suas necessidades, elaboramos um plano de ação para fomentar o desenvolvimento do segmento. Este é o momento de mobilizar parceiros e unir forças em prol dessas melhorias”, explicou.

 Para o técnico do Sebrae Teixeira de Freitas, Ismael Trindade, a iniciativa é sinônimo de oportunidade. “Todas as propostas apresentadas buscam aumentar a competitividade dos produtores, microempresas e artesãos, por meio de incentivo a inovação, profissionalização na gestão, melhoria no processo produtivo e sustentabilidade”, detalhou.

 O programa Mais Árvores busca incentivar o produtor rural a investir no plantio e manejo de florestas para uso múltiplos com tecnologia aplicada. A ação já realizou em março de 2015, em Teixeira de Freitas, o “1º Workshop madeira para uso múltiplo – integração de pequenos produtores e processadores”. Na ocasião, foi formado também o comitê gestor local do programa.

 Depois de identificar as demandas do segmento, o programa Mais Árvores realiza mais uma etapa com propostas de soluções.

O Programa

 O programa é uma iniciativa da Associação Baiana das Empresas de Base Florestal (Abaf), em parceria com uma série de entidades ligadas à agricultura, indústria e à qualificação de mão de obra. Prevê a implantação de duas vertentes de atuação em quatro polos na Bahia – Litoral Norte, Sul, Sudoeste e Oeste.

 O Projeto Indústria, conduzido pelo Sebrae e Sindicato da Indústria do Mobiliário do Estado da Bahia/Moveba, visa sensibilizar o público-alvo e formar uma cadeia produtiva estruturada e consolidada nas regiões, através do processamento industrial para uso múltiplo da madeira plantada. Já o Projeto Produção (liderado pela Federação da Agricultura e Pecuária do Estado da Bahia/Faeb e pela CNA) prevê o desenvolvimento local do ‘Programa Mais Árvores’, da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil/CNA, na Bahia.

 Ambos os projetos do Mais Árvores Bahia contarão com a coordenação local das entidades regionais que agregam os produtores rurais: Aspex (Associação dos Produtores de Eucalipto do Extremo Sul Bahia), Assosil (Associação dos Silvicultores do Sudoeste da Bahia), Sineflor (Sindicato das Empresas Florestais da Bahia que atua no Litoral Norte), e Aiba (Associação de Agricultores e Irrigantes da Bahia, no Oeste).

 Parceiros

Para este trabalho, a Abaf conta com os seguintes parceiros: CNA (Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil), Faeb (Federação da Agricultura e Pecuária do Estado da Bahia), Senar (Serviço Nacional de Aprendizagem Rural), Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas), Fieb (Federação das Indústrias da Bahia), Senai (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial), Aiba (Associação de Agricultores e Irrigantes da Bahia), Seagri (Secretaria da Agricultura, Pecuária, Irrigação, Reforma Agrária, Pesca e Aquicultura da Bahia), SDE (Secretaria de Desenvolvimento Econômico da Bahia), Sudic/BA (Superintendência de Desenvolvimento Industrial e Comercial), Fórum Florestal do Sul e Extremo Sul da Bahia, Aspex (Associação dos Produtores de Eucalipto do Extremo Sul Bahia), Assosil (Associação dos Silvicultores do Sudoeste da Bahia), Sineflor (Sindicato das Empresas Florestais da Bahia), Sindpacel (Sindicato das Indústrias de Papel, Celulose, Papelão, Pasta de Madeira para Papel e Artefatos de Papel e Papelão), Sindimol (Sindicato das Indústrias da Madeira e do Mobiliário do Espírito Santo), Agência da Madeira (PR), Moveba (Sindicato da Indústria do Mobiliário do Estado da Bahia), UFSB (Universidade Federal do Sul da Bahia) e UFBA (Universidade Federal da Bahia).

Agência Sebrae de Notícias Bahia

(71) 3320-4558 / 3042-3880 / 9222-1612 / 8263-0835

Central de Relacionamento Sebrae: 0800 570 0800

www.ba.agenciasebrae.com.br

www.twitter.com/sebraebahia

www.facebook.com/sebraebahia


Comentários



radio
radio destaque
Fale conosco
TEIXEIRA VERDADE
CNPJ:14.898.996/001-09
E-mail - teixeiraverdade@gmail.com
Tel: 73 8824-2333 / 9126-9868 PLUG21