banner
publicidade
publicidade

Equipe de Wendel Ferreira prende trio que comandava tráfico de drogas

A equipe do delegado Wendel Ferreira Santos, titular da Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes (DTE), prendeu e apresentou à imprensa no final da tarde de quarta-feira, 20 de junho, Iran Santos da Silva o “Gordo” de 24 anos, Valéria Oliveira Souza, de 23 anos, e Elton Andrade dos Santos, o “Pitbull” de 26 anos, que vinham comandando o tráfico de drogas em Teixeira de Freitas e região, mas que tinha como base o bairro Kaikan Sul.

Todo o trabalho de investigação teria começado ainda no ano passado, quando após uma denúncia anônima, a equipe de Wendel Ferreira começaram a investigar a atuação de “Gordo”, que agia como agente distribuidor do tráfico, Valéria como tesoureira e “Pitbull”, que mesmo estando preso no Conjunto Penal, era o chefe do tráfico.

No curso da investigação a equipe de Wendel Ferreira, descobriu que na tarde de terça-feira 19 de junho, Valéria receberia uma quantidade de drogas, que seria levada a Itamaraju, foi quando a equipe de Wendel resolveu agir, prendendo em flagrante Valéria, na sequência prendeu o “Gordo”, chegando então ao “Pitbull”, que já estava preso no Conjunto Penal a cerca de três anos e 10 meses de onde vinha comandando as ações do tráfico.

om os acusados a equipe de Wendel Ferreira encontrou 570 gramas de crack, 30 gramas de maconha e dois papelotes de cocaína, além de cerca de R$ 550,00 em espécie, mais um comprovante de depósito em nome de Valéria no valor R$ 13.000,00  que a polícia suspeita de que tenha origem do tráfico de drogas.

Valéria Oliveira de Souza, de 23 anos, é natural de Itabuna, Iran Santos da Silva o “Gordo” de 24 anos, natural de Eunápolis, já Elton Andrade dos Santos o “Pitbull” de 26 anos, natural de Porto Seguro.

Ao serem apresentados à imprensa, “Gordo”, assumiu todo o material apreendido, isentando o “Pitbull” de participação.  “Pitbull” ressaltou ser inocente da acusação, já a acusada Valéria que é esposa de “Pitbull” preferiu não se defender das acusações, optando pelo silêncio.

Para o delegado Wendel Ferreira a estratégia de “Pitbull” é que o “Gordo” assuma todo o tráfico até para conseguir sua liberdade, uma vez que ele esperava para os próximos dias um habeas corpus da justiça federal para deixar o presídio e a acusação para ele nesse caso, irá dificultar sua liberdade.

Por Jotta Mendes/reportercoragem


Comentários



radio
radio destaque
Fale conosco
TEIXEIRA VERDADE
CNPJ:14.898.996/001-09
E-mail - teixeiraverdade@gmail.com
Tel: 73 8824-2333 / 9126-9868 PLUG21