banner
publicidade
publicidade

FATURAMENTO NO VAREJO BAIANO CAI 13% NO 1º TRIMESTRE DE 2016

O faturamento das lojas do varejo na Bahia sofreu uma queda real, já descontado a inflação, de 13,2% no 1o  trimestre de 2016, em relação ao primeiro trimestre do ano passado, atingindo pouco mais de R$ 14 bilhões.

Houve fortes quedas nos três primeiros meses de 2016, cerca de 14% em janeiro, 13,6% em fevereiro e 12,3% em março deste ano, em relação aos mesmos meses de 2015,  aguçando a tendência já verificada em 2015.

Na Região Metropolitana de Salvador a queda foi ainda maior atingindo 14,7% em termos reais no 1o trimestre de 2016, em relação ao mesmo período de 2015.

A queda no faturamento atingiu todos os setores, conforme tabela acima, chegando a uma redução de 31,5% nas lojas de departamento, 31,7% nas de eletroeletrônicos e 26% em autopeças e acessórios na RMS.

Segundo o consultor econômico da Fecomércio-BA, Fábio Pina, o cenário é semelhante em todo o Brasil. Uma ponderação positiva, no entanto, é que apesar das quedas de dois dígitos, de janeiro a março, o ritmo de queda na comparação interanual (mês contra o mesmo mês do ano anterior) caiu um pouco, conforme mostram as tabelas e análises.

Essa é a conclusão da PCCV (Pesquisa Conjuntural do Comércio Varejista) da Bahia, estudo feito pela Fecomércio-BA, em parceria com a Secretarias estaduais da Fazenda e do Desenvolvimento Econômico.


Comentários



radio
radio destaque
Fale conosco
TEIXEIRA VERDADE
CNPJ:14.898.996/001-09
E-mail - teixeiraverdade@gmail.com
Tel: 73 8824-2333 / 9126-9868 PLUG21