banner
publicidade
publicidade

Flamengo vence Nova Iguaçu

O Flamengo venceu o Nova Iguaçu por 2 a 0 neste domingo, em Macaé, com gols de Deivid e Renato. O estreante do dia, Vagner Love, não fez jogadas de efeito por estar bastante marcado. Apesar da vitória, o time rubro-negro está em terceiro lugar na tabela do Grupo A da Taça Guanabara, com 12 pontos (por conta da vitória do líder da chave, o Resende, em cima do Madureira por 2 a 1). O NI está em quinto, com oito pontos.

Deivid com sorte e azar

Quando Vagner Love entrou no gramado junto com o time rubro-negro, foi extase tão grande a ponto do atacante se atrapalhar com o assédio das crianças. Aos três minutos, o Fla tentou ir para o avanço com Renato, mas o meia finalizou mal e mandou para fora. O calor era intenso em Macaé. Aos nove, Ronaldinho Gaúcho lançou para Deivid na grande área. O azar não perdoa: Deivid marcou, mas estava impedido e a arbitragem anulou o gol corretamente. Na sequência, o Nova Iguaçu queria mostrar serviço: o folclórico Zambi driblou Welinton e ia partir ao ataque, mas Junior Cesar cortou de imediato.

O azar não perdoou Deivid, mas a sorte não lhe faltou aos 13: após boa jogada iniciada por R10, Vagner Love se livrou dos marcadores e finalizou. Jefferson rebateu e Deivid aproveitou para marcar o primeiro gol do Flamengo. O NI tentou não se abater com a desvantagem no placar: aos 19, Zambi chutou com vontade na entrada da área, exigindo atenta defesa de Felipe.

O time de Joel percebeu que precisava ampliar logo o placar, mas a marcação do time da Baixada estava bem atenta, em especial no estreante Love. Aos 34, Amaral levou risco ao gol do Fla em cobrança de falta. No fim, aos 42, Ronaldinho cobrou escanteio fechadíssimo pela esquerda, Deivid desviou e quase surpreendeu o goleiro.

Renato com disposição

Logo no começo do segundo tempo, um lance de registro: aos 3, Amaral tentou surpreender Felipe à distância, mas o goleiro rubro-negro estava alerta. Renato marcou um gol aos nove após passe de R10, mas estava impedido e a arbitragem marcou. As duas equipes tocavam a bola com objetividade, dando equilíbrio ao confronto. Pelo Nova Iguaçu, Zambi estava empolgado e dava trabalho para Junior Cesar.

Renato, pelo Fla, também estava empolgado e sofreu falta aos 13. Ele próprio foi para cobrança, chutou com disposição e marcou o segundo do clube da Gávea no jogo, animando de vez a torcida presente em Macaé. O time da Baixada aumentou a pressão em cima dos flamenguistas, a ponto de Welinton quase marcar um gol contra aos 25 após cruzamento de Dieguinho, mas impedido pela astúcia de Felipe.

O time comandado por Leonardo Condé passou a investir nas cobranças de bola parada: aos 37: Jones tentou aproveitar uma desatenção da defesa rubro-negra e acertou a trave. Aos 42 minutos, Vagner Love encerrou sua estreia discreta sendo substituído por Negueba.

Ficha técnica

Flamengo 2 x 0 Nova Iguaçu

Local: Cláudio Moacyr, Macaé
Data: 12/2/2012

Árbitro: Wagner do Nascimento Magalhães
Auxiliares: Silbert Faria Sisquim e Wendel de Paiva Gouvea

Renda e público: R$ 160.335,00 / 9.269 presentes
Cartões amarelos: Willians (FLA)/ Filipe Alves, Wagner Eugênio, Amaral (NIG)
Cartões vermelhos:

Gols: Deivid aos 13 do primeiro tempo, Renato aos 15 do segundo tempo

Flamengo: Felipe, Léo Moura, Welinton, David e Junior Cesar; Willians, Luiz Antonio (Maldonado), Renato , Ronaldinho; Vagner Love (Negueba) e Deivid (Bottinelli). Técnico: Joel Santana.

Nova Iguaçu: Jefferson, Marcelinho, Naylhor, Wagner Eugênio, Chiquinho (Uallace 43’/2°T); Amaral, Filipe Alves, Dieguinho, Mossoró (Otávio); Leandrão (Jones) e Zâmbi. Técnico: Leonardo Condé.


Comentários



radio
radio destaque
Fale conosco
TEIXEIRA VERDADE
CNPJ:14.898.996/001-09
E-mail - teixeiraverdade@gmail.com
Tel: 73 8824-2333 / 9126-9868 PLUG21