banner
publicidade
publicidade

Flamengo vence Volta Redonda

Foto: Site Oficial FlamengoO Flamengo venceu o Volta Redonda pela quinta rodada da Taça Rio por 4 a 2 na noite deste sábado, no estádio Raulino de Oliveira. O resultado deixou o Rubro-Negro com a mesma pontuação do Macaé no Grupo A. O time da Região dos Lagos joga nesse domingo. O destaque do jogo foi o atacante flamenguista Vagner Love, autor de dois gols. Outro a marcar foi Leonardo Moura, que voltou após um período lesionado.

Volta Redonda abre o marcador, mas David Braz iguala para o Fla

Sem Ronaldinho Gaúcho, o Flamengo entrou em campo com Thomás no meio e uma dupla de ataque formada por Vagner Love e Diego Maurício. Léo Moura, após um tempo lesionado, também era “novidade” na equipe comandada por Joel Santana. A partida começou bastante truncada; os dois times se estudavam e sobretudo o Volta Redonda fazia uma marcação pesada. Dez minutos e a equipe carioca se apresentava melhor em campo.

No entanto, aos treze minutos, o Voltaço teve a primeira boa oportunidade: Manteiga chutou de fora da área e bola passou perto das traves de Felipe. No lance seguinte, os donos da casa abriram o marcador: Rafael Granja recebeu passe em profundidade pela direita, invadiu a área e bateu cruzado: 1 a 0 Voltaço. Após o gol, o Fla acordou: aos 15, Diego Maurício recebeu passe e bateu cruzado pela esquerda, com perigo ao gol de Douglas. Vinte e três: Diego Maurício tocou para Love, que chutou prensado no zagueiro adversário; no rebote, 99 flamenguista finalizou forte, mas goleiro do Volta espalmou.

Trinta e um: Welinton se aventurou no ataque e fez bom cruzamento para Vagner Love, que cabeceou para fora. Trinta e três: confusão na área após escanteio; bola sobrou para David Braz, que chutou duas vezes até marcar o gol de empate do Rubro-Negro: 1 a 1. Trinta e oito: Luiz Anonio deu um “rapa” em jogador Robson e foi expulso pelo árbitro. Quarenta e dois: Júlio Cezar recebe excelente passe na área; meia não conseguiu dominar a bola e Felipe pegou. Dois minutos depois, Muralha bateu com violência, quase do meio de campo, obrigando arqueiro do time da cidade do aço a pôr para escanteio. Fim do primeiro tempo e tudo igual.

E brilha a estrela de Vagner Love…

O primeiro lance de perigo do segundo tempo foi do Flamengo, que tinha Kléberson no lugar de Thomás: cobrança de escanteio para Diego Maurício, que fez tudo certinho; Douglas, milagrosamente, pôs para fora. Um minuto depois, o 17 rubro-negra recebeu do lado esquerdo e avançou, avançou, invadiu a área e rolou para o Artilheiro do Amor, que pôs de letra para o fundo das redes: virada do Fla – 2 a 1.

Dez: Leílton cobrou falta e bola passou muito perto; Felipe nem se mexeu. Dezessete: Léo Moura bobeou na defesa e Leílton encobriu 1 rubro-negro, empatando o placar: 2 a 2. O time de Joel errava muito na parte defensiva.

Diego Maurício, um dos melhores do Flamengo no jogo, lançou Love meio que sem querer; jogador fez o trabalhou de pivô e girou, enganando marcadores; invadiu a área e colocou no canto esquerdo de Douglas: 3 a 2 e torcida vermelha e preta voltou a cantar. Quarenta e sete e ainda dava tempo para mais um: Magal cruzou pela esquerda; bola passou por todo mundo e sobrou para Léo Moura chutar: 4 a 2 e fim de jogo no Raulino de Oliveira.


Comentários



radio
radio destaque
Fale conosco
TEIXEIRA VERDADE
CNPJ:14.898.996/001-09
E-mail - teixeiraverdade@gmail.com
Tel: 73 8824-2333 / 9126-9868 PLUG21