banner
publicidade
publicidade

GEDDEL VIEIRA LIMA É PRESO PELA POLÍCIA FEDERAL

O ex-ministro da Secretaria de Governo, Geddel Vieira Lima, foi preso na tarde desta segunda-feira (3) na Bahia, onde reside, segundo informações da Folha de São Paulo. Geddel foi citado nas delações da JBS como interlocutor do presidente Michel Temer para assuntos relacionados à empresa.
O Ministério Público Federal disse em nota que ele agiu para atrapalhar investigações e que a prisão se baseia em informações dadas em depoimentos recentes do doleiro Lúcio Bolonha Funaro, do empresário Joesley Batista e do diretor jurídico do grupo J&F, Francisco de Assis e Silva –os dois últimos em acordo de colaboração premiada.

A nota do Ministério Público Federal diz ainda que o objetivo de Geddel seria evitar que o ex-presidente da Câmara, Eduardo Cunha, e o próprio Lúcio Funaro firmem acordo de colaboração com o Ministério Público Federal (MPF).

“Para isso, tem atuado no sentido de assegurar que ambos recebam vantagens indevidas, além de “monitorar” o comportamento do doleiro para constrangê-lo a não fechar o acordo”, diz o comunicado.


Comentários



radio
radio destaque
Fale conosco
TEIXEIRA VERDADE
CNPJ:14.898.996/001-09
E-mail - teixeiraverdade@gmail.com
Tel: 73 8824-2333 / 9126-9868 PLUG21