banner
publicidade
publicidade

Impasse sobre royalties deve acabar somente na Justiça

Apesar de todo o esforço do Governo Estadual, junto com deputados e senadores, a esperança dos capixabas de evitar as perdas dos royalties do pré-sal pode estar chegando ao fim. Foram vários encontros em Brasília, debates acalorados, mas até agora o impasse continua. Ao conseguir adiar a votação do veto, o clima era de confiança. Mas o governador do Estado, Renato Casagrande (PSB), e o senador Ricardo Ferraço (PMDB), dupla que vem atuando fortemente contra o modelo de repartição proposto pela União, já falam em acionar a Justiça para garantir os direitos dos capixabas. Enquanto isso, a novela continua…

Mais esperta
A realização de uma audiência pública na Câmara de Vitória provocou uma saia justa entre os vereadores Max da Mata (DEM) e Neuzinha de Oliveira. É que o democrata propôs ao presidente do PSDB, Luiz Emanuel, discutir com a prefeitura sobre as multas que estão sendo aplicadas na Capital. Só que quando Max foi protocolar a proposta, Neuzinha foi mais rápida e já tinha feito o pedido no Legislativo. Ficou um climão…

Investimentos I
O secretário da Fazenda, Maurício Duque, foi à Assembleia Legislativa para fazer um balanço das contas do Governo nos oito primeiros meses do ano. No seu relatório, consta que o Estado investiu 13,5% do orçamento em Saúde, mais do que o exigido pela Constituição, que é de 12%. Apesar disso, parece que os investimentos não tem sido suficientes.

Investimentos II
É que coincidentemente, um dia antes da prestação de contas, os médicos do Centro de Alta Complexidade em Oncologia de São Mateus suspenderam o atendimento aos pacientes por falta de pagamento e a unidade acabou tendo que fechar as portas. Os pacientes agora terão que buscar tratamento na Grande Vitória.

Transparência
Pegando carona no debate sobre a polêmica do voto aberto na Câmara, o deputado estadual Hércules Silveira (PMDB) protocolou, na Assembleia Legislativa, requerimento para criar a Frente Parlamentar pelo fim do voto secreto. A idéia é mobilizar a sociedade e pressionar os deputados federais para maior transparência nas votações realizadas no Congresso.

Puxão de orelha
Durante a prestação de contas, o folclórico deputado José Esmeraldo (PR) reclamou que recebeu o relatório com o balanço momentos antes de começar a sessão. O presidente da Comissão de Finanças, deputado Sergio Borges (PMDB) rebateu e disse que o documento foi entregue no dia anterior. O republicano arrancou risadas ao retrucar dizendo que então iria exonerar seus funcionários de gabinete.

*O jornalista Josué de Oliveira conta para os leitores tudo o que acontece nos corredores dos Três Poderes do Espírito Santo.


Comentários



radio
radio destaque
Fale conosco
TEIXEIRA VERDADE
CNPJ:14.898.996/001-09
E-mail - teixeiraverdade@gmail.com
Tel: 73 8824-2333 / 9126-9868 PLUG21