banner
publicidade
publicidade

João Bosco cobra resultados das forças de segurança e entrega ponto de apoio para a PM

João Bosco cobra resultados das forças de segurança e entrega ponto de apoio para a PM

 

 

O prefeito João Bosco cobrou mais resultados das forças de segurança local e regional. Durante reunião realizada na manhã de sexta-feira (08), com representantes das polícias civil e militar, o prefeito cobrou respostas sobre casos emblemáticos ocorridos na cidade, como o do jornalista Gel Lopes e dos empresários Vitor Aguiar e Moisesão.

 

Durante a conversa, o prefeito quis saber do número geral de casos, quantidade de inquéritos, principais dificuldades encontradas pelos policiais e os meios mais eficazes de se prevenir e combater a criminalidade. Ainda na reunião, o prefeito contatou o Secretário de Segurança Pública do Estado Maurício Teles Barbosa e solicitou uma reunião em Salvador, e por telefone, solicitou reforço técnico e de pessoal.

 

O delegado coordenador da 8ª Coordenadoria de Polícia do Interior (Coorpin), Marcus Vinicius Almeida, e o comandante da 87ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM), major Magalhães, apontaram suas dificuldades e esforços para a proteção da sociedade. E apresentaram dados que apontam a redução do número de homicídios no município, nos últimos três anos.

 

O município teixeirense apresentou, nos últimos três anos, uma queda no número de homicídios. Ao assumir a gestão, o prefeito João Bosco buscou a aproximação e articulação entre Governo Municipal e forças de segurança, os quais vêm desenvolvendo ações conjuntas.

 

Em 2012 foram registrados 132 casos, enquanto a média de registros feitos entre 2013 e 2015 ficou em 94 por ano, representando cerca de 30% a menos, com projeção percentual ainda maior, já que a população do município passou de, aproximadamente, 138 mil em 2012, para 157 mil em 2015, segundo dados do IBGE, “o que representa o fruto positivo do trabalho, mas ainda estamos longe de comemorar”, comentou o delegado coordenador da 8ª Coorpin, que ponderou que apesar da queda, o número ainda é alto.

 

“Pensar a segurança pública do ponto de vista da prevenção, e não apenas da repressão é uma postura de quem realmente se preocupa com a sociedade”, disse João Bosco, ao mencionar a atuação do Governo Municipal na efetivação das políticas de Assistência Social – a exemplo da construção e inauguração de quatro Centros para acolhimento da população –, e o empenho para a estruturação das forças de segurança, do ponto de vista técnico e de pessoal.

 

Dentre as dificuldades apontadas pelo coordenador no desempenho do trabalho da Polícia Civil, está o crescimento populacional da cidade. O major, por sua vez, apresentou como aspecto positivo para a Polícia Militar em Teixeira de Freitas, o desmembramento do 13º Batalhão na 87ª CIPM e 13º Batalhão Escola, o que reforça o policiamento ostensivo nos períodos de estágio e com a possibilidade permanência dos alunos-soldado na cidade.

 

Ao fim da reunião, o prefeito João Bosco, em visita a comunidade do bairro São Lourenço, contatou o comandante da 87ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM), major Magalhães, e decidiu implantar ali uma base da PM. O espaço fica em uma das principais vias do bairro, e será reestruturado para funcionar anexo a um ponto de leitura e academia ao ar livre. “Esta foi uma decisão tomada atendendo a solicitações da comunidade, e serve à estratégia de descentralização das ações, aproximando a PM”, disse o comandante.

 


Comentários



radio
radio destaque
Fale conosco
TEIXEIRA VERDADE
CNPJ:14.898.996/001-09
E-mail - teixeiraverdade@gmail.com
Tel: 73 8824-2333 / 9126-9868 PLUG21