banner
publicidade
publicidade

Justiça condena Igreja Universal por pressionar pastores a fazer vasectomia

[Justiça condena Igreja Universal por pressionar pastores a fazer vasectomia]
Foto : Divulgação

Por Juliana Rodrigues no dia 09 de Junho de 2019 ⋅ 07:00

Os ex-pastores afirmam que a igreja incentiva a esterilização como uma espécie de política de recursos humanos, já que, sem filhos, os líderes teriam mais disponibilidade para mudar de cidade a mando da igreja, uma vez que a instituição custeia a família dos religiosos.

A Universal já foi condenada em primeira e segunda instâncias em diferentes casos na Justiça do Trabalho, além de uma condenação no Tribunal Superior do Trabalho (TST). No caso mais recente, o Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região (TRT-2), em São Paulo, condenou a igreja, em segunda instância, a pagar R$ 115 mil em indenização por danos morais e materiais ao ex-pastor Clarindo de Oliveira, 44.

A Universal nega a imposição de vasectomia, diz que saiu vencedora de 13 processos ajuizados contra a igreja na Justiça do Trabalho e afirma que estimula o planejamento familiar dos casais.

 


Comentários



radio
radio destaque
Fale conosco
TEIXEIRA VERDADE
CNPJ:14.898.996/001-09
E-mail - teixeiraverdade@gmail.com
Tel: 73 8824-2333 / 9126-9868 PLUG21