banner
publicidade
publicidade

LULA PEDE REAÇÃO IMEDIATA DO PT NA COMISSÃO DO IMPEACHMENT

A pedido do ex-presidente Lula, senadores do PT e outros integrantes da tropa de choque da presidente Dilma Rousseff se reúnem nesta quinta para traçar uma defesa da petista, do PT e da senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR), mulher do ex-ministro Paulo Bernardo, diante das prisões desta quinta-feira. Lula conversou com o senador Lindbergh Farias (PT-RJ) e exigiu uma reação no Senado. Segundo relato, Gleisi ligou para os colegas e disse que pensou em licença do mandato, mas eles não estão apoiando a ideia.
A senadora já está no Brasil desde ontem e avalia quando falar publicamente.Os senadores também entrarão em contato com o presidente do PT, Rui Falcão, para saber mais detalhes do caso. “A Gleisi pediu para ficar fora hoje” — disse um senador que conversou com a colega.Lula conversou duas vezes com Lindbergh e disse que ” era preciso ter uma resposta”.
Os argumentos dos senadores é que “não podem baixar a cabeça na comissão de impeachment” e temiam por uma condução dos trabalhos pela senadora Ana Amélia (PP-RS), considerada radical. “Não é para a gente abaixar a cabeça — disse uma senadora.O grupo quer soltar uma nota ainda hoje. Já Gleisi quer ir ao Senado amanhã, mas avalia o momento. Os petistas querem ver o desenrolar dos acontecimentos. Segundo um senador, “hoje é dia de apanhar”.


Comentários



radio
radio destaque
Fale conosco
TEIXEIRA VERDADE
CNPJ:14.898.996/001-09
E-mail - teixeiraverdade@gmail.com
Tel: 73 8824-2333 / 9126-9868 PLUG21