banner
publicidade
publicidade

Municípios driblam a crise e festejam o São João

Foto: Reprodução


Por Adilson Fonsêca

No pequeno município de São Domingos, na Região do Sisal, a 24 quilômetros de Salvador, o São João começou na última sexta-feira e terminou no domingo. Em vários outros municípios, baianos, a festa  foi antecipada, como forma de cumprir um intenso calendário de festejos que vai até o final do mês, com as comemorações a São Pedro. E por isso mesmo, milhares de soteropolitanos vão deixar a capital rumo ao interior.

Os caminhos do São João abrangem a quase totalidade dos 417 municípios baianos, e entre os festejos do São João e do São Pedro, as opões são as maias variadas, desde as localidades mais próximas de Salvador, como as cidades de Camaçari e São Francisco do Conde, até as mais distantes, como nos municípios nas margens do Rio São Francisco, como Barra e Bom Jesus da lapa, Juazeiro e Paulo Afonso, ao Sudoeste, Sul e Extremo Sul, como Vitória da Conquista, Ilhéus e Itamaraju.

Somente pelo Terminal Rodoviário de Salvador serão quase 200 mil pessoas que sairão da capital em direção ao interior. A Agerba agência que regula o transporte intermunicipal de passageiros, montou um esquema especial de atendimento nos dias 22 e 23, não só para quem viaja, mas também para quem chega de outras regiões do País. Casal de dançarinos de quadrilha e trio de forró, com triângulo, sanfona e zabumba  vão dar boas-vindas aos turistas que chegam para o São João da Bahia, e também divulgar a festa no interior do estado e em Salvador.

Para quem vai curtir o São João nas localidades da Ilha de Itaparica ou nos municípios do Baixo Sul ou mesmo de lá seguir para outras localidades no Sul do Estado, o sistema ferry-boat anunciou que  Segundo a ITS (Internacional Travessias Salvador), o Sistema ferry-boat contará com sete embarcações , entre os dias 20 e 26 de junho. A estimativa é que 20 mil veículos e 140 mil pessoas  façam a travessia pela Baía de Todos-os-Santos viajem entre o São João e o São Pedro.

Festa contida

O presidente da União das Prefeituras da Bahia (UPB), prefeito de Bom Jesus da Lapa, Eures Ribeiro, disse que apesar de ter sido um ano difícil, principalmente por causa da seca que afeto a maioria dos municípios, o São João está garantido na maioria das cidades.  Para o presidente da UPB, mesmo com as restrições econômicas das prefeituras, os festejos juninos são grandes oportunidades de aquecer a economia local.

O prefeito de Bom Jesus da lapa, cujo município realiza os festejos no São Pedro (28 e 29) recomendou aos demais gestores municipais que dentro do possível mantenham o calendário das festas juninas, mas observando as limitações de ordem financeira. Para tanto ele recomendou que fossem, diminuídos o número de dias da festa e que as prefeituras realizassem contratações de artistas locais e regionais com o forma de diminuir os custos. “Trata-se de uma tradição que aquece a economia local e dá oportunidade aos pequenos agricultores e comerciantes dessas localidades  obterem uma renda extra”, alertou.

A Coordenação jurídica da UPB preparou uma nota informativa com recomendações baseadas em posicionamentos tomados pelo Ministério Público e pelo Tribunal de Contas. São seis itens, que contemplam orientações sobre o tema. A nota faz observações sobre a previsão orçamentária, contratação de artistas não consagrados com procedimento licitatório, necessidade de parecer jurídico para contratação de artistas de renome, situações em que os festejos juninos devem ser evitados e execução de plano de trabalho.

A UPB recomenda que os festejos devem seguir a regra da tradição,   marcada , e que a contratação de artistas não consagrados ou de imagem grandemente conhecida, deve se  dar  através de  procedimento  licitatório, o mesmo valendo para a contratação de palcos, som e todos os equipamentos necessários a realização do evento.

Ainda segundo a orientação repassada aos prefeitos, os contratos com artistas devem ser feitos diretamente com o empresário representante do artista, evitando a ação de intermediários, como forma de diminuir custos.

Nos casos de festas com patrocínios, os contratos devem ser  examinados cuidadosamente pelas equipes técnicas, os  formatos  de  apoio, bem como  o modelo de escolha.

Capital e interior já preparadas

No final de semana o Governo do Estado garantiu a realização da festa em 163 cidades, mediante patrocínio da Bahiatursa. O dobro do que foi patrocinado no ano passado.  Para a capital, nomes como Trio Nordestino, Geraldo Azevedo, Cicinho de Assis, Targino Gondim, Del Feliz, Elba Ramalho, Fulô de Mandacaru, Lucy Alves, Zé de Tonha, Jó Miranda, Forrozão, Felipe Araújo, Marilia Mendonça e Devinho Novaes já estão confirmados entre os dias 23 e 24.

A programação contempla o Terreiro de Jesus, Largo do Pelourinho, Tereza Batista, Quincas Berros D´Água, Pedro Arcanjo e Cruzeiro de São Francisco, no Centro Histórico, que ganhou decoração junina especial. No Subúrbio,a festa vai acontecer  na Praça João Martins, em Paripe, com uma programação que terá nomes como Forrozão, Larissa Marques, Felipe Araújo, Swing do Lu e Grupo Kantares , Dinho Santos, Mariana Fagundes, Marilia Mendonça, Devinho Novaes e Johny Paixão.

Nas estradas –  Se por um lado o São João movimenta o Terminal Rodoviário de Salvador e o sistema ferry-boat, nas estradas, as concessionárias Bahia Norte e Litoral Norte  vão realizar operações especiais entre os dias 22 e 25 de junho. A  fiscalização nas rodovias do sistema BA-093, operado pela CBNorte, será intensificada e terá também o apoio de viaturas de atendimento 24h, caminhão para retirada de animais de grande porte das vias, além de guinchos leves e pesados. Na Linha Verde, operada pela CLN, a estimativa é de fluxo intenso, com cerca de 80 mil veículos circulando pela rodovia BA-099 no período junino.

Com a Operação São João, o Departamento Estadual de Trânsito da Bahia (Detran-BA) tem a expectativa de reduzir o número de acidentes em 50% em relação a 2017. Cerca de 350 funcionários do Detran-BA, 18 mil policiais militares e 700 agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) trabalharão na operação. Já o Corpo de Bombeiros Militar da Bahia  alerta para os cuidados com o manuseio de fogos de artifício no período junino. No caso de queimaduras, deve-se lavar bem o local com água corrente e em temperatura ambiente. Caso tenha uma grande extensão, o ferido deve ser levado para a unidade de saúde mais próxima.


Comentários



radio
radio destaque
Fale conosco
TEIXEIRA VERDADE
CNPJ:14.898.996/001-09
E-mail - teixeiraverdade@gmail.com
Tel: 73 8824-2333 / 9126-9868 PLUG21