banner
publicidade
publicidade

MUSICO TEIXEIRENSE É EXECUTADO

MUSICO TEIXEIRENSE É EXECUTADO COM QUASE 20 TIROS EM TEIXEIRA DE FREITAS

 

Foi assassinado na noite desta quarta-feira (6), por volta das 19h, o músico teixeirense Antônio Marcos Amaral de Souza, conhecido como “Marquinhos baixista”, de 34 anos, ex-integrante da banda Swite de Motel. “Marquinhos” foi surpreendido e em seguida executado com 19 tiros de pistola 9mm e revólver calibre 38, no momento em que se no interior do ‘Bar Maravilha’, localizado na rua 11, casa 30, Urbis 03, enfrente a sua própria residência, em Teixeira de Freitas.

Segundo informações de populares, dois elementos encapuzados e armados, sendo um deles com uma pistola 9mm e o outro com um revólver, adentraram ao bar e executaram a vitima e em seguida se evadiram sem deixar pistas.

“Marquinho baixista” já tinha passagem pela policia de Teixeira de Freitas, dentre elas, uma prisão ocorrida na BA 290 Teixeira/Alcobaça, quando o mesmo foi surpreendido na companhia de Leandro Ribeiro Santos, fato ocorrido no dia 06 do último mês de janeiro, ambos em posse de aproximadamente de 2k de pasta base de crack e 200g de cocaína. “Marquinhos” ficou preso na carceragem da 8ª coorpin vários meses, mas conseguiu o relaxamento da prisão, e estava respondendo ao processo em liberdade. já o comparsa “Leandro”, este continua preso aguardando o julgamento.

A policia militar compareceu ao local de crime, a qual logo em seguida acionou a policia civil, que compareceu representada pelo delegado plantonista Júlio cesar Telles e o investigador Aldo Pereira, bem como os peritos Marco Antônio (criminal) e Everton dos Anjos (técnico), onde realizaram o levantamento cadavérico e em seguida removeram o corpo da vítima para o (IML).

Os peritos informaram que “Marquinhos baixista” apresentava 19 perfurações de projeteis de arma de fogo no corpo, sendo quatro na face, quatro no tórax do lodo direito, um no tórax do lado esquerdo, além de outras perfurações em outras regiões do corpo. A policia civil recolheu várias cápsulas de projeteis 9mm e de cal. 38 no local.

O delegado Júlio César Telles instaurou um inquérito policial para apurar a autoria e motivação do crime.

Por Arnobio Formosa

Foto:liberdadenews

 


Comentários



radio
radio destaque
Fale conosco
TEIXEIRA VERDADE
CNPJ:14.898.996/001-09
E-mail - teixeiraverdade@gmail.com
Tel: 73 8824-2333 / 9126-9868 PLUG21