banner
publicidade
publicidade

Oswaldo pede que time controle timidez

Badalado por sua trajetória no futebol, Seedorf chegou ao Botafogo chamando atenção não apenas da torcida, como também dos jogadores. Segundo o treinador Oswaldo de Oliveira, vem sendo importante conversar com os atletas para que eles atuem naturalmente, sem se sentir na obrigação de passar a bola para o craque holandês.

“Tenho que conversar muito sobre isso. Disse que o homem está, mas não é para que fiquem na obrigação de jogar com ele, que façam isso naturalmente. Claro que é um momento diferente e ainda não houve tempo para fazer treinamentos. Acho que ficaram cuidadosos em fazer passes bons para não expor o Seedorf. Não precisa ter esse melindre. Ele está aí para lutar por bola dividida, vestindo a camisa. Tem que entender isso o mais rapidamente possível.”

O treinador também deixou claro que ainda não sabe se utilizará o meia no jogo contra o Vasco.

“Fiz esse treinamento ajustando a possibilidade de Seedorf ser utilizado. Com Fellype Gabriel, não precisaria fazer, pois ele já está ajustado. Isso só depende dessa minha avaliação. Ele conversou comigo sobre o jogo, a participação dele. Falamos mais sobre a parte do campo e como sentiu os companheiros.”


Comentários



radio
radio destaque
Fale conosco
TEIXEIRA VERDADE
CNPJ:14.898.996/001-09
E-mail - teixeiraverdade@gmail.com
Tel: 73 8824-2333 / 9126-9868 PLUG21