banner
publicidade
publicidade

OTTO ALENCAR VAI INSTALAR CPI DO CARF


O senador Otto Alencar (PSD-BA) vai instalar, na próxima terça-feira (19/5), a Comissão Parlamentar de Inquérito do Conselho Administrativo de Recursos Fiscais, a CPI do Carf.

A primeira reunião acontecerá, às 14h30, no plenário 2 da Ala Nilo Coelho do Senado Federal. A comissão foi criada para investigar denúncia de irregularidades no conselho do Ministério da Fazenda. A CPI terá 120 dias para investigação do caso e orçamento de R$ 100 mil.

Durante a reunião, os senadores vão eleger o presidente e o vice do colegiado, além de designar o relator que coordenará a apuração. Otto Alencar integra a CPI. O pedido para criação do colegiado foi feito pelo senador Ataídes Oliveira (PSDB-TO), a partir da Operação Zelotes, da Polícia Federal.

“Este conselho foi criado para poupar os grandes conglomerados de pagar impostos”, diz Otto Alencar. Ele defende a extinção do conselho. A Operação Zelotes investiga denúncia de que empresas, escritórios de advocacia e de contabilidade, servidores públicos e conselheiros do Carf criaram esquema de manipulação de julgamentos, propiciando a redução de multas de sonegadores de impostos.
As investigações da Polícia Federal já comprovaram prejuízos de R$ 6 bilhões aos cofres públicos, mas auditores envolvidos na operação avaliam que a fraude pode ultrapassar R$ 19 bilhões, dentro do maior escândalo de sonegação do Brasil.

Levantamento feito pelo senador Otto Alencar revela que mais de 120 mil processos tramitam no Carf, contestando a cobrança de R$ 565 bilhões em impostos e multas.

“Se o Governo fizer um Refis, dispensar multas e juros e der um desconto de 30% sobre o valor devido, ainda receberia o suficiente para evitar este doloroso ajuste fiscal”, diz Otto Alencar


Comentários



radio
radio destaque
Fale conosco
TEIXEIRA VERDADE
CNPJ:14.898.996/001-09
E-mail - teixeiraverdade@gmail.com
Tel: 73 8824-2333 / 9126-9868 PLUG21