banner
publicidade
publicidade

Portocel registra recorde mundial de produtividade na operação de celulose

Portocel registra recorde mundial de produtividade na operação de celulose

 

Terminal Especializado de Barra do Riacho (ES), fruto de sociedade entre Fibria e Cenibra, é referência global na movimentação desse tipo de carga

O Portocel, terminal especializado na movimentação de produtos florestais e que é controlado pela Fibria (51%) e Cenibra (49%), estabeleceu no início de outubro uma nova marca mundial de produtividade na movimentação de celulose. O porto registrou, às 7h25 do dia 1º de outubro, a marca de 37.168 toneladas embarcadas em 24 horas. O recorde anterior, também de Portocel, era de 37.044 toneladas.

A marca foi alcançada na operação do navio Halophyla e consolida a posição de Portocel como o porto mais eficiente do mundo na movimentação de celulose, segundo observa Patricia Dutra Lascosque, diretora-superintendente do terminal.

Localizado em Barra do Riacho (Aracruz), Portocel tem capacidade para embarcar, em média, 24 mil toneladas/dia de celulose por navio, volume superior aos portos de Baltimore (Estados Unidos) e Flushing (Holanda), por exemplo, que estão entre os melhores do mundo e movimentam, respectivamente, 16 mil e 18 mil t/dia do produto.

O recorde foi alcançado com a operação simultânea de quatro ternos, com quatro operadores cada (próprios e avulsos), o que foi um avanço já que o recorde anterior foi batido com cinco operadores por terno e maior número de equipamentos em operação. “O recorde foi resultado de uma operação normal do dia a dia graças às ações de melhoria de performance implementadas em Portocel”, disse Patricia Lascosque.

Ela também destaca que a nova marca alcançada deve-se à cultura de alto desempenho da empresa, aliada ao comprometimento das equipes e aos valores de Portocel: excelência, pragmatismo, aliança, senso de dono, diálogo aberto, meritocracia e cultivo de talentos.

Patrícia observou ainda que Portocel, por onde são embarcadas cerca de 70% da celulose que o Brasil exporta, tem o menor custo operacional do país e, no Espírito Santo, responde por cerca de 30% das requisições de trabalhadores avulsos junto ao Órgão Gestor de Mão de Obra Portuária (Ogmo-ES).

Sobre a Fibria

Líder mundial na produção de celulose de eucalipto, a Fibria é uma empresa que procura atender, de forma sustentável, à crescente demanda global por produtos oriundos da floresta. Com capacidade produtiva de 5,3 milhões de toneladas anuais de celulose, a companhia conta com unidades industriais localizadas em Aracruz (ES), Jacareí (SP) e Três Lagoas (MS), além de Eunápolis (BA), onde mantém a Veracel em joint-operation com a Stora Enso. Em maio de 2015, a Fibria anunciou a expansão da unidade de Três Lagoas, que terá uma nova linha com capacidade produtiva de 1,75 milhão de toneladas de celulose por ano. A previsão é que a nova fábrica comece a operação no quarto trimestre de 2017. A companhia possui 967 mil hectares de florestas, sendo 563 mil hectares de florestas plantadas e 343 mil hectares de áreas de preservação e de conservação ambiental. A celulose produzida pela Fibria é exportada para mais de 40 países.

 

 

 


Comentários



radio
radio destaque
Fale conosco
TEIXEIRA VERDADE
CNPJ:14.898.996/001-09
E-mail - teixeiraverdade@gmail.com
Tel: 73 8824-2333 / 9126-9868 PLUG21