banner
publicidade
publicidade

Professores de universidades estaduais da BA continuam parados

A greve começou no dia 8 de abril.
Professores da Uneb fazem assembleia nesta quarta-feira em Salvador.

Professores das universidades estaduais de Feira de Santana (Uefs), Santa Cruz (Uesc) e Sudoeste (Uesb) realizaram assembleias, na tarde desta terça-feira (7), e decidiram pela manutenção da greve, até a rodada de negociação com representantes do governo da Bahia, marcada para esta sexta-feira (10).

Já os professores da Universidade Estadual da Bahia (Uneb), em Salvador, fazem assembléia, na manhã desta quarta-feira, às 9h, no teatro da Uneb, para decidir se voltam ao trabalho ou continuam parados.

A greve começou no dia 8 de abril, quando a Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (Uesb) e a Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc) paralisaram as atividades.

Três dias depois, no dia 11 de abril, os professores da Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs) decretarem a greve. E no último dia 26, os professores da Universidade do Estado da Bahia (Uneb) ingressaram no movimento.(g1bahia)


Comentários



radio
radio destaque
Fale conosco
TEIXEIRA VERDADE
CNPJ:14.898.996/001-09
E-mail - teixeiraverdade@gmail.com
Tel: 73 8824-2333 / 9126-9868 PLUG21