banner
publicidade
publicidade

Programa vai oferecer nova chance para que ensino médio seja retomado

A partir do ano que vem, os estudantes que já terminaram o ensino médio ou que desistiram dessa etapa da educação antes de concluí-la poderão voltar à sala de aula para retomar a educação básica na modalidade técnica profissionalizante. Essa medida, anunciada ontem pelo ministro da Educação, Aloizio Mercadante, e pela presidente Dilma Rousseff, no 7º Encontro Nacional da Indústria (Enai), foi chamada de Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec) — Novas Oportunidades, uma ampliação da política pública de cursos técnicos e de educação continuada criada no ano passado. Na ocasião, tanto o ministro quanto a presidente assinaram uma medida provisória para estabelecer essas novas regras. A proposta, entretanto, divide opiniões.

De acordo com Mercadante, é preciso fortalecer o acesso ao ensino técnico e profissionalizante, pois são esses profissionais os responsáveis por aumentar a produtividade, a eficiência e a inovação da indústria e do setor produtivo. “Esse país precisa estudar mais. Estudar junto, no chão da fábrica, aprendendo uma função e se desenvolvendo tecnicamente, impulsionando a vida na família e o desenvolvimento do país”, discursou. Além da medida provisória, a pasta firmou uma parceria com os ministérios da Justiça e da Previdência Social para aumentar o rol de beneficiários do programa. Tanto presidiários ou egressos do sistema quanto os que estão na recuperação da saúde, de acidente de trabalho ou outros tipos de acidentes poderão usar o Pronatec como ponte para reinserção no mercado de trabalho.(correio)


Comentários



radio
radio destaque
Fale conosco
TEIXEIRA VERDADE
CNPJ:14.898.996/001-09
E-mail - teixeiraverdade@gmail.com
Tel: 73 8824-2333 / 9126-9868 PLUG21