banner
publicidade
publicidade

Reflexos do crescimento de 4,8% do PIB baiano

O PIB (Produto Interno Bruto) baiano foi de 4.8% no primeiro trimestre deste ano, comparado com o mesmo período do ano passado. Já o crescimento da economia do Brasil, entre 1º de janeiro e 31 de março, foi de 0,8%. A explicação do que é o PIB e o que representa esse crescimento na vida da população é apresentada pelo secretário do Planejamento da Bahia, José Sergio Gabrielli, no seu programa semanal “Encontro com Gabrielli”, que está disponível a partir de hoje (7) no site da Secretaria do Planejamento.

Um dos principais indicadores econômicos, o PIB, tecnicamente, representa a soma de todos os valores de bens e serviços diretamente utilizados pelas pessoas e empresas, produzidos dentro de uma região, que pode ser um estado ou um país, durante um determinado período.

“Quando o país está crescendo, as pessoas vão sentir os efeitos, não de forma igualitária, porque isso vai depender da estrutura produtiva e de como o cidadão está inserido, mas a qualidade de vida aumenta porque quanto mais se produz a tendência é que mais empregos sejam gerados, os preços diminuam e que haja mais disponibilidade de produtos no mercado”, esclarece Gabrielli sobre os reflexos na vida do cidadão.

O crescimento de 4,8% da economia baiana significa que o mercado local está mais aquecido do que a média dos estados brasileiros. Isso quer dizer que setores da indústria, como a construção civil e os carros produzidos, a agropecuária, a movimentação do comércio e os serviços tiveram uma atividade econômica maior em relação aos três primeiros meses do ano passado.

A indústria, na Bahia, foi puxada pela produção de produtos químicos e pela construção civil, com destaque para obras públicas, a exemplo da Ferrovia Oeste-Leste e as ações do programa Água para Todos, que foi decisivo para minimizar os efeitos da seca. A estiagem, aliás, além de afetar a vida de milhões de baianos, também não ajudou a economia agropecuária. Neste setor, o crescimento foi de 2,6% nos primeiros três meses de 2012, número bem inferior aos 7,3% do mesmo período do ano passado.

Esse resultado geral do PIB, contudo, explica o secretário, implica que haverá mais dinheiro para gastar, bem como que haverá mais produtos disponíveis para compra.  “Destaco que a indústria baiana vem retomando o nível de atividade com um crescimento de 4,7%/, pois 2011 não foi um ano fácil. Mas com planejamento e políticas acertadas, as economias brasileira e baiana foram protegidas, assim como os setores produtivos e os empregos”, diz Gabrielli.

 

ENCONTRO COM GABRIELLI – O conteúdo do programa de rádio semanal “Encontro com Gabrielli” está disponível para download no site da Secretaria do Planejamento (www.seplan.ba.gov.br), podendo ser veiculado gratuitamente nas rádios ou postado em sites e blogs. Contatos e sugestões para o programa podem ser feitos através do e-mailencontrocomgabrielli@gmail.com


Comentários



radio
radio destaque
Fale conosco
TEIXEIRA VERDADE
CNPJ:14.898.996/001-09
E-mail - teixeiraverdade@gmail.com
Tel: 73 8824-2333 / 9126-9868 PLUG21