banner
publicidade
publicidade

RUI INAUGURA CADEIA PRODUTIVA DO CAJU E LANÇA EDITAL DE R$ 26 MILHÕES

RUI INAUGURA CADEIA PRODUTIVA DO CAJU E LANÇA EDITAL DE R$ 26 MILHÕES

O Governador Rui Costa inaugurou nesta terça-feira (13), uma Central de Comercialização e Modernização de Processo Produtivo, no município de Ribeira do Pombal. O empreendimento é resultado de parceria do Governo do Estado, por meio da Companhia de Ação Regional (CAR), vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), com a Fundação Banco do Brasil e a Cooperativa dos Cajucultores Familiares do Nordeste da Bahia (Cooperacaju).
Na oportunidade, Rui entregou as chaves das duas novas agroindústrias para o processamento de caju construídas em Tucano e Lamarão e lançou o edital do programa Bahia Produtiva, voltado à fruticultura, abrangendo, entre outras, a cajucultura. Também por meio da CAR/SDR foram entregues dez barracas à Cooperacaju, para a participação em feiras. “A Bahia é estado com maior número de agricultores familiares no Brasil. Ao apoiar os pequenos produtores, ao ajudarmos eles a melhorarem a renda, o lucro que eles tiverem vai ser gasto nas cidades. Temos que apostar nisso. Com assistência, mecanização. Isso é a redenção da nossa gente, que vive no semiárido”, afirmou o governador.
Durante a inauguração da central, foi entregue ainda uma máquina automática para cortar castanha de caju, simbolizando os demais equipamentos instalados nas unidades de beneficiamento. De acordo com o assessor da gerência de assessoramento técnico da Fundação Banco do Brasil, Amarildo Carvalho, o processo que resultou na implantação das unidades de beneficiamento e na central de derivados do caju começou há dez anos. “A cultura do caju é uma das mais populares e a que mais afeta a agricultura familiar. Nosso trabalho inclui apoiar a base produtiva com assistência técnica na base, no plantio e no cultivo. A própria comunidade demandou as fábricas”.
Cerca de 750 agricultores familiares de 21 municípios localizados em quatro Territórios de Identidade (Nordeste II, Sisal, Litoral Norte e Portal do Sertão) compõem a Rede Coopercaju. Durante o evento em Ribeira do Pombal, o Governo do Estado lançou também o edital de fruticultura pelo programa Bahia Produtiva, no valor de R$ 26 milhões. De acordo com o titular da SDR, Jerônimo Rodrigues R$ 5 milhões são para a cajucultura. “Este edital é para fomentar diversas cadeias produtivas, não apenas a do caju, mas também a do maracujá-do-mato e outras frutas. Ninguém produz apenas para a sua subsistência. O edital confirma a importância que o semiárido baiano e a agricultura familiar têm para o Governo do Estado”.


Comentários



radio
radio destaque
Fale conosco
TEIXEIRA VERDADE
CNPJ:14.898.996/001-09
E-mail - teixeiraverdade@gmail.com
Tel: 73 8824-2333 / 9126-9868 PLUG21