banner
publicidade
publicidade

São Francisco do Conde conquista o título do Intermunicipal

São Francisco do Conde conquista o título do Intermunicipal

São Francisco do Conde – A festa foi completa em São Francisco do Conde, na tarde de domingo (11). Diante de um grande público no Estádio Junqueira Ayres, a seleção local goleou Santaluz por 4 a 0 e faturou o Campeonato Intermunicipal 2011.

Mostrando superioridade em campo, a equipe do São Francisco soube jogar com a força da torcida para conquistar seu primeiro título na história da competição. No jogo de ida, em Santaluz, no dia 4, os campeões já haviam vencido por 2 a 0.

Ao final da partida, a Federação Baiana de Futebol (FBF) deu seguimento à festa com a grande premiação. Homenageado do campeonato com seu nome no troféu, o compositor baiano Nelson Rufino fez a entrega da taça aos vencedores.

Marcaram presença na decisão o presidente da FBF, Ednaldo Rodrigues; o vice-presidente, Manfredo Lessa; diretora técnica da entidade, Taíse Galvão; o presidente da ceaf/BA, Wilson Paim; entre outras personalidades. A prefeita de São Francisco do Conde, Rilza Valentin, acompanhou de perto a partida e fez a festa com a população do município.

Ficha Técnica da partida

São Francisco do Conde 4 x 0 Santaluz

Campeonato Intermunicipal de Futebol Amador – Final

São Francisco do Conde: Márcio, Diego, Gum, João Carigé e Alex; Júnior Ventura, Elton, Gajão e Pithaco (Netinho); Pim e Julinho (Roni). Técnico – Osmar Machado.

Santaluz: Rôse, Totó, Diego, Dei e Olodum; Dilson (Buiú), Edmundo, Fábio e Robinho (Nininho) (Elielson); Marcelo e Eri. Técnico – João Carlos.

Local: Estádio Junqueira Ayres, em São Francisco do Conde (BA).

Data: 11/12/2011

Horário: 16 horas

Arbitragem: Arilson Bispo de Anunciação. Assistentes: Edinaldo Vasconcelos Ribeiro e Erick Borges de Barros Araújo. Árbitros Reservas: Moisés Ferreira Simão, Germinio Vieira Santos e Ricardo Tavares Pereira.

Gols: Alex, Pithaco, Julinho e Roni (SFC).

Cartões amarelos: João Carigé, Gajão, Elton, Júnior Ventura (SFC); Dilton, Dei, Diego (SL).

Cartão vermelho: Buiú (SL).

Caminhada árdua até o título

Neste domingo (11), a seleção de São Francisco do Conde conquistou seu primeiro título no Campeonato Intermunicipal de Futebol Amador. Após vencer o primeiro jogo por 2 a 0, fora de casa, os campeões voltaram a enfrentar Santaluz e fizeram bonito, goleada por 4 a 0.

Diante de um grande público no Estádio Junqueira Ayres, os jogadores de São Francisco deram a volta olímpica e ostentaram o troféu Nelson Rufino.

São Francisco do Conde, cidade situada a 67 km da capital baiana, pertenceu ao termo Salvador até 1697, quando foi emancipada. Tem população estimada em 32 mil habitantes e PIB per capita de R$ 211.601,00.

Para chegar até o título do XXXVII Campeonato Intermunicipal de Futebol, a seleção, que tem um dos elencos mais jovens e o artilheiro Pim, teve um aproveitamento de 73,3%, com 13 vitórias, 5 empates e apenas 2 derrotas.

Para o presidente Gilmar Santana Leal, da Associação Atlética São Francisco, clube que acompanha a seleção local, o ambiente entre os jogadores, comissão técnica e diretoria foi o melhor possível durante a competição. “Esse time é uma grande família”, afirmou.

O espírito crescente já fez a seleção de São Francisco do Conde conseguir 2 vezes a 3.ª colocação e 1 vez o vice-campeonato, em 2009, contra Serrinha.

Já Raimundo Antônio da Silva, presidente da Liga Sanfranciscana de Futebol, destacou que o elenco foi maduro e experiente por contar com vários jogadores campeões dos Intermunicipais de edições anteriores.

Confira a campanha de São Francisco do Conde

1.ª Fase – 6 jogos, 4 vitórias, 1 empate e 1 derrota.

2.ª Fase – 6 jogos, 4 vitórias, 1 empate e 1 derrota.

3.ª Fase – 2 jogos, 1 vitória e 1 empate.

4.ª Fase – 2 jogos, 1 vitória e 1 empate.

Semi-final – 2 jogos, 1 vitória e 1 empate.

Final – 2 jogos, 2 vitórias.

Fonte: Federação Baiana de Futebol. Foto: Carlos Santana / FBF.

Independente é campeão invicto da Copa Fase Sport

Teixeira de Freitas – A equipe do Independente se sagrou campeão da Copa Fase Sport de Futebol Máster sub-40 no último sábado (10), no campo do Nova América. Após empatar no tempo normal em 2 a 2 com a Farmácia Real – até então a atual campeã –, a equipe do Independente foi campeão da segunda edição da Copa Fase Sport na categoria Máster na disputa de pênaltis. O Independente se sagrou campeão por ter uma das principais equipes da cidade nesta categoria, contando com atletas muito experientes, a exemplo do goleiro Genilson Rego, Agnaldo, Figueroa, Duquinha, Nil, Gil Gilson, Roberto, Rena, Vanzinho, Gilmar Rego, Neném, Bernando, Rivas, Dé, Laudson, Vovó e Everton. Já a Farmácia Real deixou escapar o bicampeonato. O time cresceu muito de produção na reta final do campeonato, logo após a chegada de alguns reforços, e por muito pouco a Farmácia Real não conquistou o bicampeão, já que estava vencendo a partida por 2 a 1 e sofreu o gol de empate nos acréscimos do segundo tempo, através de um pênalti convertido pelo Independente, levando a decisão para a disputa dos pênaltis. Na primeira série de 5 pênaltis para cada lado, tivemos Figueroa, Vanzinho e Neném convertendo para o Independente; Roberto e Everton perderam pelo Independente. Pela Farmácia Real fizeram Figueredo, Ramon e Midubim; Fernandão e Juju desperdiçaram, este último que foi o último batedor desta série de 5 atletas, cobrou muito mal e deixou de dar naquele momento o bicampeonato da Copa Fase Sport para a Farmácia Real, que mais uma vez teve a oportunidade de conquistar o título, quando, no sexto pênalti, Rena perdeu a cobrança. Porém, Rildo teve a chance de dar o título para a Farmácia Real, mas, perdeu novamente. Na sétima cobrança, Vilson desperdiçou para a Farmácia Real e Duquinha converteu fazendo o gol do título, muito comemorado por atletas e dirigentes nesta vitória por 4 a 3 para o Independente nos pênaltis.

É de relatar a luta e garra dos jogadores da Farmácia Real pelo título, sendo eles Adalberto, Ailton, Marcos, Joza, Vilson, Zuíno, Gilson, Figueredo, Juju, Ramon, Caboclo, Fernandão, Zezinho, Itinha, Igor, Midubin e Evandro Dionor. No final, as equipes puderam receber a premiação de campeão e vice-campeão, além de troféus, medalhas, e a premiação do goleiro menos vazado, Genilson Rego do Independente, e do artilheiro também do Independente, Figueroa com 11 gols. Na partida final trabalharam Tiago Queiroz, Severino Correia e Jesuine Carlos, “Ceará”, a organização da competição foi de Genevaldo Cruz (Tio), Gilvan Moreira, Fábio Silva. Os gandulas que trabalharam na partida final foram Lucas Guedes, Marcos André, Iago Cardoso e Agno Cardoso. A copa teve o apoio total da Fase Sport e da Secretaria de Esportes, através do seu secretário de Esportes, Gilson Teixeira, e do diretor de Esportes, Cláudio Pereira, que esteve presente na decisão.

Escolinha Portela realizou excursão para Salvador

Teixeira de Freitas – O trabalho exercido pelo professor Gelson Portela no comando da Escolinha União Portela de Futebol, onde atua como professor e diretor presidente, muito orgulha a comunidade de Teixeira de Freitas. Mesmo enfrentando dificuldades pelo fato de ainda faltar apoio, Gelson não tem deixado de realizar o seu trabalho com profissionalismo e muito tem contribuído com o futebol das divisões de base de toda a região.

A Escolinha de Futebol União Portela é a única na região que mantém dois locais próprios para treinamento. Em Teixeira de Freitas, Gelson dispõe o seu centro de treinamento, nada espetacular, a bem da verdade, mas tem o seu campo próprio, onde realiza semanalmente o seu trabalho, e também na propriedade rural de sua família, na região de São José de Alcobaça, onde tem um excelente campo de futebol gramado, num espaço verde, aconchegante, tranquilo e satisfatório para se trabalhar. A Escolinha, que, frequentemente, realiza viagens, esteve em Salvador no dia 20 de novembro realizando dois amistosos e levando alguns garotos para teste. A viagem foi no dia 19, jogou dia 20 pela manhã e retornou no dia seguinte. Viajaram duas categorias – a sub-15, garotos nascidos em 96; e das sub-12 e sub-13, garotos nascidos em 99 e 2000.

Na primeira partida, o Portela vence por 1 a 0 diante do Bahia, gol marcado por Dirlan. No segundo jogo, venceu por 2 a 0, com gols de Iure e Cleiton, a única diferença foi que o Bahia jogou com o time B.

Garotos semiaprovados pelo Bahia foram Dirlan (atacante), Paulo Júnior (volante), Tiago (zagueiro), Iago Barbosa (atacante), Vinícius (zagueiro) e Cleiton (atacante). Esses garotos já retornaram para Salvador, pois desde o dia 5 iniciaram um período de avaliação. Jogadores de outras escolinhas participaram da viagem como parceiros, sendo eles – Caravelas Piti Piti; Nova América Tio, Posto da Mata Jânio e Alcobaça Artur Antunes (Zico).

A Escolinha tem duas viagens agendadas para o mês de janeiro, onde participará das copas, Nacional da Paz, em São Paulo, e da Copa Vale do Paranapanema, na cidade de Colorado, Paraná. Fonte: “Jornal Tribuna do Esporte”.


 

 

 


Comentários



radio
radio destaque
Fale conosco
TEIXEIRA VERDADE
CNPJ:14.898.996/001-09
E-mail - teixeiraverdade@gmail.com
Tel: 73 8824-2333 / 9126-9868 PLUG21