banner
publicidade
publicidade

Temóteo Brito Reassume Comissão de Direitos Humanos e Segurança Pública

Temóteo Brito Reassume Comissão de Direitos Humanos e Segurança Pública

 

 O Deputado Estadual Temóteo Brito assumiu, pela segunda vez consecutiva, a Presidência da Comissão de Direitos Humanos e Segurança Pública da Assembleia Legislativa da Bahia, para a qual foi eleito por unanimidade. Logo após a instalação da Comissão, da qual fazem parte os Deputados Coronel Gilberto Santana, Capitão Tadeu, Deraldo Damasceno, João Bonfim, Maria Del Carmen, Sandro Régis e Yulo Oiticica, Temóteo Brito abriu os trabalhos, dando continuidades à reunião onde foram discutidos. e debatidos assuntos como a greve da Polícia Militar, assim como o conflito entre agricultores e índios no Sul da Bahia.

Ao iniciar sua fala, o Presidente Temóteo Brito fez um apelo aos Deputados presentes para que apresentassem propostas ou sugestões a serem levadas ao Governo do Estado no sentido de ajudar no combate a violência. “Este colegiado tem papel fundamental nos rumos do estado. Temos consciência de que as discussões são bem melindrosas e que envolvem questões bastantes polêmicas, mas contamos com a experiência de seus membros”, afirmou Temóteo.

Na questão da demarcação de terras na região de Itaju do Colônia, Pau Brasil e Camacã, onde estão ocorrendo conflitos entre índios e fazendeiros da região, Temóteo Brito propôs que o Governo do Estado, em parceria com a FUNAI, promova o cadastramento dos que se dizem indígenas, no proposito de que sejam sediados. O Deputado ressaltou que havendo necessidade de desapropriação das propriedades rurais que seja respeitado o patrimônio daqueles que há anos trabalham nessas terras, e dos que já possuem a posse da terra dada pelo Governo.

No debate sobre a greve da Polícia Militar na Bahia, o Deputado Capitão Tadeu chamou a atenção para a insatisfação da corporação após a greve, devido às retaliações sofridas pelos policiais que tiveram participação e informou que as três maiores associações de policiais já ameaçam fazer novas paralisações. Segundo o Deputado Sargento Isidório, já existe indicativo de parar uma noite. Os Deputados solicitaram que os policiais presos injustamente fossem soltos e receberam o apoio do Deputado Zé Neto, líder do governo, que reafirmou a decisão do Governo de não punir quem participou da greve de forma ordeira.

Estiveram presentes também a reunião um grupo de viúvas de policiais militares e a Associação dos Pensionistas Reservas e Aposentados Servidores Públicos do Estado da Bahia, Apraspeba, com a intenção de solicitar uma audiência pública para debater diversos assuntos como a GAP e a integração das pensões. O Presidente Temóteo recebeu os pedidos e garantiu a realização da audiência, com data a ser marcada o mais breve possível.


Comentários



radio
radio destaque
Fale conosco
TEIXEIRA VERDADE
CNPJ:14.898.996/001-09
E-mail - teixeiraverdade@gmail.com
Tel: 73 8824-2333 / 9126-9868 PLUG21