banner
publicidade
publicidade

Vasco empata com Libertad

Foto: Flickr do VascoO Vasco empatou com o Libertad por 1 a 1 em jogo válido pela fase de grupos da Libertadores. Em jogo nervoso, Diego Souza marcou para a equipe vascaína ainda no primeiro tempo. No segundo tempo, meia perdeu a cabeça e acabou sendo expulso logo aos sete minutos.

Vasco se impõe e sai na frente

O Vasco entrou em campo precisando da vitória para seguir tranquilo no torneio. Logo aos 5 minutos, o time de São Januário teve sua primeira chance de abrir o placar, William Barbio fez jogada de linha de fundo e cruzou para trás, livre Nilton chutou fraco, facilitando a defesa do goleiro. O time carioca continuava pressionando, com mais posse de bola dominava o Libertad. Com 16 minutos Fágner levantou a bola na área, Diego Souza desviou e marcou o primeiro gol dos cariocas.

Os paraguaios não conseguiam sair para o jogo, a equipe de São Januário dominava a partida. Atrás no placar, o Libertad tentava chegar ao gol de Fernando Prass, mas não conseguiam finalizar com perigo. Aos 33, Nuñez arriscou de fora, mas a bola foi por cima do travessão. A melhor oportunidade dos donos da casa na partida saiu aos 38 minutos, Civelli deu passe na medida para Gamarra que chutou forte, a bola foi parar fora do estádio.

Os brasileiros recuaram, passaram a errar passes, a equipe paraguaia se aproveitou do momento e começou a sair mais para o jogo, adiantou sua marcação e conseguia chegar mais na área vascaína. Porém, não ameaçavam o gol dos visitantes. Em uma jogada de velocidade Nilton surgiu pela direita e cruzou forte, a bola passou por toda a área paraguaia, mas Diego Souza não conseguiu alcançar. Nos minutos finais da partida o Vasco passou a ter mais volume de jogo, mas aos 45 o juiz apitou o final do primeiro tempo.

Diego Souza perde a cabeça e é expulso no ínicio do segundo tempo

Atrás no placar, o time paraguaio começou o segundo tempo dando trabalho para a defesa vascaína, chegaram duas vezes, mas a zaga afastou o perigo. O jogo passou a ficar nervoso, Diego Souza foi expulso aos 7 minutos, após dar uma cotovelada no adversário. O meia vascaíno saiu de campo levando a bola e os paraguaios foram pra cima dele, dando ínicio a uma confusão entre os jogadores. A equipe vascaína ficou com um jogador a menos.

Após expulsão do meia vascaíno os paraguaios chegavam mais ao gol, logo aos 13, Samudio cruzou e a bola desviou, o goleiro vascaíno se esticou e fez a defesa. O técnico Cristóvão Borges optou por tirar Thiago Feltri e colocar Rodolfo ja que estava com menos um. Dedé teve grande chance com 18 minutos, após cruzamento da direita a bola sobrou para o zagueiro, que mandou um voleio no centro do gol, o goleiro paraguaio defendeu em dois tempos. O Libertad empatou o jogo aos 25, com Nuñez, após rebote da defesa atacante aproveitou para acertar um chute no canto direito do goleiro Fernando Prass.

Os donos da casa começaram a pressionar, e aos 28 quase saiu o gol de desempate da equipe paraguaia. Civelli mandou uma bomba de fora da área, a bola foi por cima do gol. Com um jogador a mais o domínio paraguaio era total. Aos 36, o autor do gol paraguaio, Nuñez foi expulso após falta dura em Rodolfo. O Vasco passou a valorizar a posse de bola no final da partida. Felipe recebeu a bola sozinho aos 45, chutou forte e a bola passou muito perto do gol do Libertad. Prass fez ótima defesa aos 47, após Alecsando perder a bola, Ayala arriscou de longe e o goleiro Vascaíno espalmou para fora. Os paraguaios sufocaram a equipe vascaína nos minutos finais de jogo. O jogo porém, terminou empatado em 1 a 1.

Ficha Técnica:

Libertad 1 x 1 Vasco

Local: Estádio Nicolás Leoz, Paraguai
Data: 14/03/2012
Horário: 22h

Árbitro: Enrique Osses (CHI)
Auxiliares: Carlos Astroz (CHI) e Juan Maturana (CHI)

Cartões Amarelos: José Nuñez e Sergio Aquino (Libertad) ; Eduardo Costa, William Barbio e Allan (Vasco)
Cartões Vermelhos: Diego Souza (Vasco) e José Nuñez (Libertad)

Gols: Diego Souza 16/1°T (Vasco) e Nuñez 25/2°T

Libertad: Rodrigo Muñoz, Bonet, Ismael Benegas, Nery Bareiro e Samudio; Rodolfo Gamarra (Velázquez), Víctor Cáceres, Sergio Aquino (Ayala) e Civelli; José Nuñez e Cristian Menéndez (Caballero). Técnico: Jorge Burruchaga

Vasco: Fernando Prass, Fágner, Dedé, Renato Silva (Allan) e Thiago Feltri (Rodolfo); Nilton (Rômulo), Eduardo Costa, Felipe e Diego Souza; William Barbio e Alecsandro. Técnico: Cristóvão Borges.


Comentários



radio
radio destaque
Fale conosco
TEIXEIRA VERDADE
CNPJ:14.898.996/001-09
E-mail - teixeiraverdade@gmail.com
Tel: 73 8824-2333 / 9126-9868 PLUG21