banner
publicidade
publicidade

Vasco enfrenta Bangu e vence por 3 a 1

O Vasco venceu o Bangu por 3 a 1 na tarde desta quarta-feira, em Moça Bonita, pela terceira rodada do Grupo B da Taça Guanabara. Os gols cruzmaltinos foram marcados por Diego Souza, Thiago Feltri e Bernardo, enquanto Tiano descontou para os alvirrubros. Com o resultado e a rodada em andamento, o time de São Januário está na liderança com nove pontos, enquanto o Bangu ainda não pontuou.

Confusão durante o primeiro tempo

O time cruzmaltino entrou em campo tendo o xodó Bernardo como titular e ainda sob impacto da crise envolvendo a demora no pagamento dos salários. A intenção era que não transparecesse em campo, mas o primeiro lance de perigo veio do Bangu: Mayaro roubou a bola, passou para Bruno. Alessandro, em sua primeira participação, rebateu, mas a bola foi parar nos pés de Tiano. O atacante não aproveitou e chutou mal, para fora.

Os vascaínos apresentavam dificuldade na criação das jogadas e contava mais com lampejos individuais de Felipe, Diego Souza e Fagner, enquanto os jogadores do Bangu, sob o comando do estreante Carlos César, mostravam desenvoltura apesar do tradicional forte calor de Bangu. Depois do intervalo dos vinte minutos, o juiz marcou pênalti a favor do Vasco: Abílio tentou impedir um cruzamento de DS com a mão. Alecsandro cobrou e abriu o placar, com direito a comemoração com dancinha sincronizada.

A sorte ficou do lado do clube de São Januário aos 30 minutos, com o gol de Thiago Feltri. Na sequência, ocorreu uma pequena paralisação na partida por causa de um tumulto e na volta, a sorte passou para a conta do Bangu: o mesmo Thiago Feltri derrubou Leandrinho na grande área, o árbitro marcou pênalti e Tiano, que precisou ser atendido após ser atingido por um gás de pimenta, diminuiu para o time alvirrubro.

Bernardo amplia o placar

Os dois times voltaram sem mudança para a etapa final. O Vasco começou com a iniciativa de jogo no segundo tempo. Os banguenses também agiam: aos oito, Tiano tentou surpreender o estreante goleiro Alessandro, mas a bola passou por cima do travessão. Ainda assim, a pressão era dos comandados de Cristóvão Borges.

E o placar também: aos 13 minutos, o xodó Bernardo acertou uma cobrança de falta com precisão e marcou o terceiro gol vascaíno no jogo. O Bangu prosseguia querendo mostrar que estava presente no jogo apesar da desvantagem: aos 16, Bruno Carvalho tirou tinta da trave com um chute à distância. Aos 25, Felipe deu um passe açucarado para Alecsandro finalizar e fazer o quarto, mas Willian Alves protegeu a tempo.

A partir dos 30 minutos, o cansaço tomou conta dos jogadores de ambas as equipes e o ritmo do confronto ficou devagar. Aos 39, um susto: Tiano cobrou falta, Alessandro não conseguiu afastar e a bola bateu na trave. Fagner apareceu para espanar antes que o Bangu aproveitasse. A vitória do Vasco se encaminhava com a maior tranquilidade e foi confirmada nos minutos finais.

Ficha técnica

Bangu 1 x 3 Vasco

Local: Estádio de Moça Bonita, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 1/2/2012
Árbitro: André Rodrigo Maia (RJ)
Auxiliares: Luiz Claudio Regazone (RJ) e Diogo Carvalho Silva (RJ)

Renda e público: não divulgados

Cartões amarelos: Carlos Renan (BAN); Thiago Feltri, Fellipe Bastos e Felipe (VAS)

Gols: Alecsandro (pênalti), 22’/1ºT, Thiago Feltri, 27’/1ºT, Tiano (pênalti), 37’/1ºT, Bernardo, 13’/2ºT

Bangu: Willian; China, Abílio, Carlos Renan e Gedeílson (Tiago Lopes); Mayaro, Raphael Azevedo, Fabinho (Maurício) e Tiano; Leandrinho (Guzzon) e Bruno Carvalho. Técnico: Carlos César.

Vasco: Alessandro; Fágner, Dedé, Rodolfo (Renato Silva), Thiago Feltri; Fellipe Bastos, Nilton, Felipe e Bernardo (William Barbio); Diego Souza e Alecsandro. Técnico: Cristóvão Borges.


Comentários



radio
radio destaque
Fale conosco
TEIXEIRA VERDADE
CNPJ:14.898.996/001-09
E-mail - teixeiraverdade@gmail.com
Tel: 73 8824-2333 / 9126-9868 PLUG21