banner
publicidade
publicidade

Veja quais deputados baianos concordaram com projeto que libera compra de vacinas por empresas privadas

A Câmara dos Deputados aprovou, no início da noite de hoje, o texto-base de um projeto que autoriza empresas privadas a comprarem vacinas contra a Covid para imunizar os funcionários.

Na Casa, 32 parlamentares baianos votaram na proposta. Veja, abaixo, a lista de como cada um se posicionou.

Votou “Não”, ou seja, contra a liberação de compra por empresas privadas:

Afonso Florence (PT), Alice Portugal (PCdoB), Bacelar (Podemos), Daniel Almeida (PCdoB), Félix Mendonça Júnior (PDT), Jorge Solla (PT), Joseildo Ramos (PT), Lídice da Mata (PSB), Marcelo Nilo (PSB), Otto Alencar Filho (PSD), Pastor Sargento Isidório (Avante), Valmir Assunção (PT), Waldenor Pereira (PT) e Zé Neto (PT).

Votou “Sim”, ou seja, pela liberação de compra por empresas privadas:

Alex Santana (PDT), Arthur Maia (DEM), Cacá Leão (PP), Charles Fernandes (PSD), Claudio Cajado (PP) Igor Kannário (DEM), José Nunes (PSD), José Rocha (PL), Leur Lomanto Jr. (DEM), Mário Negromonte Jr. (PP), Paulo Azi (DEM), Paulo Magalhães (PSD), Professora Dayane Pimentel (PSL), Raimundo Costa (PL), Ronaldo Carletto (PP), Sérgio Brito (PSD), Tito (Avante) e Uldurico Júnior (Pros).

A principal mudança votada retira a exigência, atualmente prevista em lei, de que as empresas só possam começar a vacinação própria após a imunização dos grupos prioritários pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

O texto também permite a compra de imunizantes autorizados por agências estrangeiras reconhecidas pela Organização Mundial da Saúde (OMS), mesmo que não tenham registro ou autorização da Anvisa.


Comentários



radio
radio destaque
Fale conosco
TEIXEIRA VERDADE
CNPJ:14.898.996/001-09
E-mail - teixeiraverdade@gmail.com
Tel: 73 8824-2333 / 9126-9868 PLUG21