banner
publicidade
publicidade

Vereadores de Jequié são escoltados após aumentarem os próprios salários

Vereadores de Jequié são escoltados após aumentarem os próprios salários

Vereadores de Jequié são escoltados após aumentarem os próprios salários

Foto: Reprodução/Jequié Repórter

Os vereadores de Jequié, no sudoeste da Bahia, tiveram que ser escoltados ao saírem da Câmara Municipal na noite da última terça-feira (20), após aprovarem dois projetos de lei que estabelecem os reajustes dos salários do prefeito, vice-prefeito, secretários municipais e dos próprios parlamentares, a partir de 1º de janeiro de 2017. Eles foram xingados de “ladrões” por manifestantes que protestaram em frente à sede do Legislativo da cidade e precisaram de escolta policial para conseguirem sair do plenário da Casa.

De acordo com os novos projetos aprovados pelos vereadores, o subsídio do prefeito passará a ser de R$20 mil, o vice-prefeito, R$ 15 mil, enquanto os secretários municipais e os vereadores receberão mensalmente valores semelhantes, R$ 12.660.

Doze vereadores votaram a favor do projeto: Soldado Gilvan, Tinho, Dorival Júnior, Chico de Alfredo, Ivan do Leite, Beto de Lalá, Joaquim Caires, Zé Simões, Colorido, Manoel Gomes, Deyvison Batista e Neto da Água Já. Somente o vereador Pé Roxo (PT) votou contra. Foram registradas quatro abstenções: Ednael Almeida, João Cunha, José Wanderley, Josué Menezes e Meire Lopes.


Comentários



radio
radio destaque
Fale conosco
TEIXEIRA VERDADE
CNPJ:14.898.996/001-09
E-mail - teixeiraverdade@gmail.com
Tel: 73 8824-2333 / 9126-9868 PLUG21