banner
as
publicidade
publicidade

Vasco 2 x 0 Inter

Vasco ganha por 2 a 0 do Inter na volta de Juninho a São Januário

 

O Vasco conseguiu se recuperar no Campeonato Brasileiro após vencer o Internacional neste sábado por 2 a 0. O jogo marcava a volta  de Juninho Pernambucano como jogador do Cruzmaltino no estádio de São Januário.  Com o resultado, a equipe carioca que vinha de duas derrotas na competição chegou aos 14 pontos na tabela. Já o Colorado permanceu com 15 pontos na classificação.

Apesar de um segundo tempo de baixo nível técnico, os donos da casa pressionaram nos 45 minutos iniciais. Os gols do Gigante da Colina foram marcados por Eder Luis no primeiro tempo e Dedé na etapa complementar.

Vasco pressiona Inter e abre o placar com Eder Luis

O Vasco chegou forte ao ataque nos primeiros minutos.  Aos três, Bernardo arriscou de fora da área, mas a bola  foi para fora.  Depois foi a vez de Eder Luis aos seis. Felipe deslocou passe para Márcio Careca na esquerda. O lateral cruzou para o camisa 7 que pegou mal e finalizou torto pela linha de fundo. O Internacional equilibrou a partida e apareceu com perigo aos 19 com Leandro Damião chutando para a defesa segura de Fernando Prass.

Aos 24, a redonda balançou as redes em São Januário. Após escanteio para o Cruzlmatino, Dedé subiu mais que todo mundo e cabeceou, mas o arqueiro colorado espalmou. No rebote Eder Luis mandou rasteiro para abrir o placar e fazer a festa da torcida vascaína: 1 a 0. O donos da casa se animaram e passaram a ter o domínio do jogo.  E cinco minutos depois, o atacante tentou marcar mais uma vez.  Depois de receber passe de Felipe pela direita, ele bateu forte, só que a bola acertou a trave de Muriel.

O Gigante da Colina continuou pressionando a equipe gaúcha mesmo após mexer no marcador.  Aos 43, Juninho que jogou pela primeira vez em São Januário desde a sua volta o time carioca cobrou uma falta da intermediária e a bola passou rente ao travessão. Quatro minutos depois Fágner fez falta dura em Guiñazu e os dois jogadores envolvidos começaram a discutir. O lateral do clube do Rio de Janeiro levou amarelo no lance.

Cruzmaltino amplia o marcador  com o zagueiro Dedé

A segunda etapa iniciou com menos emoção e mais equilíbrio. As equipes diminuiram o ritmo e a  primeira grande oportunidade do confronto foi aos 12 minutos. Damião cabeceu para fora após cruzamento de Kleber pela esquerda. Sem muita criatividade, os times não chegavam com perigo a área rival.

Em um jogo brigado no meio-campo, o Vasco não conseguia entrar na defesa dos gaúchos e passou a arriscar chutes de longa distância,  sem sucesso. Aos 31, Bernardo tentou de fora da área e a bola foi por cima do gol. Mas seis minutos depois, a equipe cruzmaltina ampliou o resultado com Dedé após cobrança de falta de Juninho Pernambucano. O meia levantou a bola na área, o goleiro espalmou para frente e o zagueiro cabeceou a redonda para as redes e garantiu a vitória do Gigante da Colina por 2 a 0. Juninho Pernanbucano ainda buscou deixar a marca dele. Aos 44 minutos, o camisa 8 cobrou uma falta de longe e Muriel fez grande defesa.

– Veja o gol do jogo

Ficha Técnica:

Vasco x Internacional

Local: São Januário, no Rio de Janeiro
Data: 09/07/2011
Horário: 18h30
Árbitro: Jailson Macedo Freitas (BA)
Auxiliares: Adaílton José de Jesus (BA) e José Oliveira dos Santos (BA)
Cartões Amarelos: Fagner (Vasco)

Gols: Eder Luis  – 24/1°T (Vasco) e Dedé – 37/ 2°T (Vasco)

Vasco: Fernando Prass; Fagner, Dedé, Anderson Martins e Márcio Careca (Jumar); Rômulo, Juninho, Felipe (Diego Rosa) e Bernardo; Eder Luis (Diego Souza)  e Alecsandro. Técnico: Ricardo Gomes.

Internacional: Muriel; Nei, Bolívar, Juan e Kleber; Glaydson, Guiñazu, Fabrício (Gilberto) e D’Alessandro (Alex); Zé Roberto e Leandro Damião. Técnico: Falcão.

 


Comentários



Fale conosco
TEIXEIRA VERDADE
CNPJ:14.898.996/001-09
E-mail - teixeiraverdade@gmail.com
Tel: 73 8824-2333 / 9126-9868 PLUG21